Bancos fecham no Carnaval

28.02.2014

As agências bancárias estarão fechadas no Carnaval (03 e 04/03) e na quarta-feira (05/03) os bancos abrem após as 12h.  Para pagamentos e outros serviços os clientes podem usar a internet ou caixas eletrônicos.  Veja dicas da Federação dos Bancos (Febraban): Como pago contas a vencer? – Conta de concessionária (luz, água, telefone, gás ): As […]

As agências bancárias estarão fechadas no Carnaval (03 e 04/03) e na quarta-feira (05/03) os bancos abrem após as 12h.  Para pagamentos e outros serviços os clientes podem usar a internet ou caixas eletrônicos.  Veja dicas da Federação dos Bancos (Febraban):

Como pago contas a vencer?
– Conta de concessionária (luz, água, telefone, gás ): As contas de água, luz, telefone, gás, Internet, financiamentos, impostos e títulos de cobrança em geral, que estão dentro do prazo, podem ser pagas pela Internet, pelo caixa eletrônico ou rede 24 horas, pelo aplicativo do banco no celular, pelo correspondente e também pelo telefone do banco (confira o número no site do banco, no cartão da sua conta, ou pesquise no site da FEBRABAN www.febraban.org.br/atendimento_bco.asp).

Como pago contas vencidas?
– Conta de concessionária (luz, água, telefone, gás): faça o pagamento normalmente pelos canais alternativos do banco. Você pode usar a internet, o telefone (call Center), o aplicativo do banco no seu celular, os caixas eletrônicos e os correspondentes. As próprias concessionárias de serviço público costumam inserir os juros e as multas na conta do mês seguinte.

– Meu boleto é do banco e a agência está fechada, como faço?
Identifique o banco responsável pela conta no boleto de cobrança. No próprio site dos bancos é possível solicitar nova via de boleto em atraso, mesmo para pessoas que não são correntistas. Acesse o serviço de atualização de boleto, na página inicial do banco emissor do título de cobrança. Em seguida insira a numeração do código de barras do boleto, o site irá gerar um novo boleto para pagamento. Com o boleto atualizado, você consegue pagá-lo pelos canais alternativos do banco (internet, telefone (call Center), aplicativo do banco no celular, caixas eletrônicos e correspondentes).

– Preciso pagar títulos de cobrança (condomínio, escola, academia, financiamentos), como faço?
Peça ao cedente do título um novo boleto já com os valores atualizados ou faça o pagamento pelo Débito Direto Autorizado (DDA). O DDA é um serviço de apresentação eletrônica de boletos bancários, que permite ao cliente realizar o pagamento de boletos eletronicamente. Para usar esse serviço, o cliente bancário precisa se cadastrar como sacado eletrônico na(s) instituição(ões) financeira(s) na qual tem conta. O DDA também permite o pagamento de boletos vencidos, a própria ferramenta já contabiliza as multas e juros, podendo, desta forma, ser paga pelos canais eletrônicos do banco, sem precisar que o cliente saque o dinheiro para pagar o boleto vencido no banco emitente da cobrança. Podem ser pagos via DDA diversas contas, carnes de financiamento bancário, condomínios, planos de saúde, mensalidades escolares, assinaturas de publicações, entre outras.

Transferências e saques
– Preciso fazer uma transferência bancária, qual é o limite?
Para transferências de valores de banco para banco: a partir de R$ 1.000 para TED e até R$ 5.000 para DOC. Lembrando que a TED faz com que o crédito entre na conta do destinatário no mesmo dia em que a transferência é solicitada. Em outras formas de movimentação financeira, como o Documento de Crédito (DOC), é preciso aguardar pelo menos um dia para a conclusão da operação. Além da agilidade, a TED também oferece segurança ao cliente, tanto por ocorrer em um meio eletrônico seguro, quanto por permitir que o usuário faça a transferência sem sair de casa. “Com a TED, o cliente não precisa sacar em espécie para fazer a transferência. Basta acessar o Internet Banking ou outros canais eletrônicos de autoatendimento para efetuar a operação”, diz Walter Faria, diretor adjunto de serviços da Federação Brasileira de Bancos – FEBRABAN.

– Qual é o limite de saque nos caixas eletrônicos?
Os saques noturnos são limitados à R$ 300,00 e o valor para saque diurno varia dependendo da instituição financeira.

– Preciso sacar mais de R$ 1.000 reais, o que fazer?
No caso de saque acima de R$ 1.000,00, se a agência estiver fechada, o cliente poderá, durante o dia, efetuar o saque do valor em caixas eletrônicos e na rede 24horas.

Dicas para um saque seguro:

• Evitar saques de valores altos em espécie. Prefira as transações eletrônicas, que oferecem mais segurança, comodidade e eficiência. Exemplos: DOC, TED, transferência via telefone e Internet.
• Se tiver de realizar saques de valores altos, nunca contar dinheiro em público; se houver necessidade fazer em local reservado da agência. Algumas instituições possuem locais reservados para essa finalidade. Informe-se com um funcionário do banco.
• Procurar ir ao banco ou ao caixa eletrônico sempre acompanhado;
• Ser discreto e rápido ao conferir o seu dinheiro e sair do banco;
• Desconfiar de pessoas que fiquem por longo período dentro das agências sem realizar qualquer operação;
• Caso sentir que está sendo observado ou seguido, entrar num local movimentado e acione a Polícia Militar (tel. 190) e informar as características do observador;
• Ao efetuar depósitos no caixa eletrônico, tomar cuidado para que não haja troca de envelopes. Não pedir, nem aceitar ajuda de estranhos. Procurar, sempre, a ajuda de um funcionário do banco, identificado;
• Se desconfiar de que está sendo observado por suspeitos no interior de uma agência, procurar um funcionário do banco, identificado ou um segurança.  

Fonte: Feeb SP/MS com Febraban 

Notícias Relacionadas

Após repercussão das denúncias de assédio sexual, Pedro Guimarães pede demissão

Testemunhos das vítimas vieram a público na terça-feira (28) e assustam pela quantidade de casos e pelo grau de desrespeito e crueldade; Ministério Público investiga em sigilo O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, entregou seu pedido de demissão na tarde desta quarta-feira (29) ao presidente da república, Jair Bolsonaro. A decisão foi tomada […]

Leia mais

NOTA OFICIAL

NOTA OFICIAL Pelo imediato afastamento de Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, e o acolhimento e preservação das vítimas Nós, bancárias de todo o Brasil, manifestamos nossa indignação pelos atos de assédio sexual praticados por Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, que ganharam repercussão na noite de desta terça-feira, 28/06/2022, ao serem divulgados […]

Leia mais

Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul repudia ações de Pedro Guimarães, acusado de assédio sexual

Além de apuração das denúncias, representação dos empregados pede afastamento do presidente da Caixa Após se tornar pública a acusação de assédio sexual feita por diferentes empregadas da Caixa Econômica Federal ao presidente Pedro Duarte Guimarães, a Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, se solidariza com as vítimas e manifesta […]

Leia mais

Sindicatos filiados