Bradesco paga PLR dia 22 de setembro e 13ª cesta e no dia 10 de outubro

18.09.2023

Reajustes dos vales refeição e alimentação também estão previstos para serem pagos no dia 10 de outubro Na próxima sexta-feira, dia 22 de setembro, será a vez dos bancários do Bradesco receberem a Participação nos Lucros e Resultados (PLR). A antecipação atende à reivindicação do movimento sindical. O banco informou, também, a antecipação do pagamento […]

Reajustes dos vales refeição e alimentação também estão previstos para serem pagos no dia 10 de outubro

Na próxima sexta-feira, dia 22 de setembro, será a vez dos bancários do Bradesco receberem a Participação nos Lucros e Resultados (PLR). A antecipação atende à reivindicação do movimento sindical. O banco informou, também, a antecipação do pagamento da 13ª cesta alimentação, assim como dos reajustes dos vales alimentação e refeição (VAs e VRs), programados para serem pagos no dia 10 de outubro.

 

“Essa é mais uma conquista do movimento sindical, após a publicação do balanço do banco enviamos ofício solicitando a antecipação do pagamento  da PLR e da 13ª cesta”, comenta Edilson da Silva Julian, representante da Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (FEEB SP/MS).

A PLR e a 13ª cesta de alimentação somam as conquistas do movimento sindical ao trabalhador e são asseguradas pelo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

Entenda

Conforme a Convenção Coletiva de Trabalho da Categoria (CCT), o valor da antecipação da PLR é composto por uma parcela correspondente à “Regra Básica” e uma “Parcela Adicional”. Pela “Regra Básica”, será pago o valor correspondente a 54% do salário-base mais verbas fixas de natureza salarial, vigentes no dia 1º de setembro de 2022, além do valor fixo, tudo corrigido pelo INPC de setembro de 2022 a agosto de 2023, mais aumento real de 0,5%. O valor tem um teto, que também será corrigido segundo o mesmo índice.

Pela “Parcela Adicional”, o valor será determinado pela divisão em partes iguais entre os funcionários elegíveis, de acordo com as regras da CCT, do equivalente a 2,2% do lucro líquido do banco apurado no 1º semestre de 2023. Na parcela adicional também existe um limite que deve ser corrigido.

Notícias Relacionadas

BB prioriza diversidade na expansão das Gepes

Mulheres, negros, indígenas e PcDs terão prioridade no programa que irá dobrar a rede de Gestão de Pessoas O Banco do Brasil anunciou, nesta quarta-feira (21), um programa de expansão da rede de Gestão de Pessoas (Gepes). Durante a reunião com membros da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), o banco […]

Leia mais

COE do Bradesco discute reestruturação no banco

 Sindicato expressa preocupação com direção futura da instituição financeira A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco se reuniu na última terça-feira (20), na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo, para discutir a reestruturação anunciada pelo novo presidente do banco, Marcelo Noronha, em 7 de fevereiro, sem […]

Leia mais

Sindicato dos Bancários de Campinas completa 70 anos e receberá homenagem na Câmara da cidade

Sessão solene na Câmara de Vereadores será realizada nesta quinta-feira (22). Evento terá exposição de fotos históricas das lutas da entidade O plenário da Câmara dos Vereadores de Campinas realizará, nesta quinta-feira (22), uma sessão solene em homenagem aos 70 anos de fundação do Sindicato dos Bancários de Campinas e Região, cuja data de fundação foi 27 […]

Leia mais

Sindicatos filiados