Caixa do banco não poderá dar tratamento diferenciado a cliente

26.04.2016

O Conselho Monetário Nacional (CMN) deixou claro a partir desta segunda-feira que os caixas de bancos tradicionais em agências abertas a clientes devem pagar contas de boletos emitidos por concorrentes sem que haja discriminação entre correntistas e não correntistas.  Para isso, aprovou a resolução 4.479, que altera a 3.694, de 26 de março de 2009. […]

O Conselho Monetário Nacional (CMN) deixou claro a partir desta segunda-feira que os caixas de bancos tradicionais em agências abertas a clientes devem pagar contas de boletos emitidos por concorrentes sem que haja discriminação entre correntistas e não correntistas.

 Para isso, aprovou a resolução 4.479, que altera a 3.694, de 26 de março de 2009. A principal mudança, de acordo com a chefe do Departamento de Regulação do Sistema Financeiro do BC, Sílvia Marques, foi na redação.

"A norma já existia, mas havia dúvidas na forma da redação. Alguns clientes reclamavam que não conseguiam pagar contas no caixa, que havia diferenças entre cliente e não cliente e que havia recusa de pagamentos", disse.

De acordo com ela, a redação anterior deixava dúvidas, mas agora não há mais ambiguidade sobre o fato de as instituições terem de atender a todos. "Agora está explícito que não pode haver diferenciação entre cliente e não cliente no caixa", afirmou.

A chefe de departamento explicou que algumas exceções continuam valendo, como o pagamento de boleto vencido, que só pode ser pago na instituição financeira que o emitiu. Da mesma forma, os bancos não são obrigados a aceitar o pagamento com cheques, como já ocorre hoje.

Isso porque, de acordo com Sílvia, a instituição não tem como verificar assinatura ou se o cheque de outra instituição possui fundos. Se o banco não possui um caixa tradicional, também está isento. "Se houver agência aberta ao público, tem que atender a todos", resumiu.

Fonte: O Estado de S.Paulo

 

Notícias Relacionadas

Dia Mundial de Combate à Aids

O dia 1º de dezembro é o Dia Mundial  de Combate à Aids. A data foi escolhida pela Organização Mundial de Saúde e é celebrada anualmente desde 1988 no Brasil, um ano após a Assembleia Mundial de Saúde que fixou a data de comemoração. O objetivo da data é conscientizar as pessoas para o problema, acabar […]

Leia mais

Caixa propõe usar GDP na Promoção por Mérito

Na terceira rodada de negociação, Caixa rejeita proposta apresentada pelos representantes dos empregados e insiste na utilização da GDP O Grupo de Trabalho (GT) sobre Promoção por Mérito na Caixa Federal se reuniu ontem (29) com representantes do banco para a terceira reunião sobre o tema. A primeira ocorreu no último dia 10 e a […]

Leia mais

Vitória da Categoria: PL 1043 é retirado da pauta de votação

Projeto de Lei que autoriza a abertura das agências e o trabalho bancário aos sábados, domingos e feriados foi retirado da pauta de votação na CDC da Câmara dos Deputados; pressão da categoria foi fundamental O Projeto de Lei 1.043/2019, que autoriza a abertura de agências e o trabalho bancário aos sábados domingos e feriados foi […]

Leia mais

Sindicatos filiados