CEBB divulga programação do 34º Congresso Nacional dos Funcionários do BB

03.06.2024

Desafios da sociedade e dos trabalhadores, previdência, igualdade de oportunidade, saúde e papel dos bancos públicos no desenvolvimento do país serão temas abordados durante os encontros A Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB) finalizou, na última quarta-feira (29), a programação dos debates do 34º Congresso Nacional dos Funcionários do BB que, […]

Desafios da sociedade e dos trabalhadores, previdência, igualdade de oportunidade, saúde e papel dos bancos públicos no desenvolvimento do país serão temas abordados durante os encontros

A Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB) finalizou, na última quarta-feira (29), a programação dos debates do 34º Congresso Nacional dos Funcionários do BB que, neste ano, será realizado entre os dias 4 e 6 de junho, na capital de São Paulo.

Na terça-feira (4), está programada a abertura solene do evento, a partir das 16h30. Já as mesas de debates serão realizadas nos dias subsequentes, começando com a aprovação do regimento interno do congresso, às 9h de quarta-feira (5). Veja a programação no final deste texto.

“Além das reuniões das centrais sindicais e correntes políticas, vamos realizar cinco mesas com temas fundamentais às nossas pautas de luta, para seguir fundamentando nossas reivindicações”, explica a coordenadora da CEBB, Fernanda Lopes.

Entre os temas das cinco mesas estão “os desafios da sociedade e dos trabalhadores”; “previdência”; “papel dos bancos públicos para o desenvolvimento do país”; “saúde e condições de trabalho”; e “igualdade de oportunidades”.

A programação completa foi enviada na última sexta-feira (31) para todas as federações e sindicatos.

Programação resumida

4/6 – terça-feira

16h30 – abertura solene do 34º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil

5/6 – quarta-feira 

9h – Aprovação do regimento interno do 34º Congresso

10h – Mesa 1 – Os desafios da sociedade e dos trabalhadores

11h35 – Mesa 2 – Previdência

13h – Almoço

14h – Mesa 3 – Papel dos bancos públicos no desenvolvimento do país

15h35 – Mesa 4 – Saúde e condições de trabalho

6/6 – quinta-feira 

9h – Reuniões das centrais sindicais e correntes políticas

12h – Almoço

13h – Mesa 5 – Igualdade de oportunidades

15h – Plenária final

Notícias Relacionadas

Financiários exigem fim de terceirizações e formalização do teletrabalho no setor

Movimento sindical também denunciou o aumento de contratações de correspondentes bancários, repassando os serviços para empresas que não cobrem os mesmos direitos reivindicados pela categoria Representantes dos trabalhadores financiários realizaram, nesta terça-feira (16), mais uma rodada da mesa de negociações com a Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi), desta vez, para […]

Leia mais

COE Santander reitera defesa dos direitos dos empregados durante negociação com o banco

A garantia do emprego foi um dos principais temas reivindicados A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander deu início às negociações do acordo específico com o banco, na tarde desta terça-feira (16). A defesa dos direitos dos trabalhadores e a garantia do empregos foram os principais temas debatidos. O movimento sindical cobrou o […]

Leia mais

Banco do Brasil se compromete a não mexer na gratificação dos caixas durante a Campanha Nacional 2024

A garantia foi dada pela direção do banco na terceira mesa de negociação da Campanha Nacional 2024, nesta sexta-feira (12), e tema será tratado durante período de renovação da CCT. O Banco do Brasil se comprometeu a não mexer na gratificação dos caixas durante a Campanha Nacional 2024 e a negociar a pauta durante o […]

Leia mais

Sindicatos filiados