Comando Nacional e Fenaban definem Calendário de Negociação

31.07.2020

Bancos negam a ultratividade Nesta sexta-feira, 31, o Comando Nacional se reuniu com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) por meio de videoconferência. Durante o encontro foi fechado o calendário de negociações da Campanha Nacional dos bancários que terá início no próximo dia 04 de agosto com o tema Teletrabalho (Home Office), já a pauta […]

Bancos negam a ultratividade

Nesta sexta-feira, 31, o Comando Nacional se reuniu com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) por meio de videoconferência. Durante o encontro foi fechado o calendário de negociações da Campanha Nacional dos bancários que terá início no próximo dia 04 de agosto com o tema Teletrabalho (Home Office), já a pauta do dia 6 será sobre Emprego. O processo de negociação foi dividido em blocos temáticos. Entre os dias 11 e 14 de agosto, o Comando e a Fenaban voltam a se reunir para tratarem sobre as pautas saúde e condições de trabalho, igualdade e cláusulas sociais. O terceiro bloco, entre os dias 18 e 21, abordará as cláusulas econômicas e por fim, no quarto bloco, previsto para ocorrer entre os dias 25 e 28, retomam-se as discussões sobre as cláusulas econômicas e pendências de rodadas anteriores.
Ainda durante o encontro, os bancos negaram a questão da ultratividade, reivindicação dos bancários.

“Tivemos a definição dos temas e as datas para iniciarmos as negociações. É importante que a categoria acompanhe de perto seu sindicato para sairmos vitoriosos nessa campanha. Vamos à luta!", diz Jeferson Boava, presidente da Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (Feeb SP MS).

Negociações
Entre as reivindicações apresentadas está a de aumento real de 5%, a manutenção dos direitos, dos empregos e da mesa única de negociação, além de questões referentes à saúde dos trabalhadores e normas para o teletrabalho. As reivindicações tomaram por base a consulta, também disponibilizada na página da Feeb aos sindicatos filiados, que contou com quase 30 mil bancários.
Do total de respostas da consulta, 71% dos entrevistados optaram pelo aumento real de salário. Nas cláusulas sociais, 79,7% das respostas apontavam a manutenção dos direitos como prioridade. Outras 69,1% mencionaram a prioridade como a defesa da saúde e melhores condições de trabalho.

Home Office
A nova cláusula da CCT deve contemplar os seguintes pontos: o trabalho não pode ser imposto aos bancários; os custos do teletrabalho devem ser arcados pelos bancos; e fornecimento de equipamentos de trabalho e ergonômicos. E mais: proibida a retirada de direitos dos bancários que desempenharem as funções em suas casas, à exceção do vale-transporte/combustível, que deve ser fornecido proporcional aos dias de trabalho presencial nos bancos; e trabalho nos bancos uma vez por semana, no mínimo.

Entrega de Minuta Banco do Brasil

Após as negociações, o CEBB – Comissão de Empresa do Banco do Brasil entregou a minuta de reivindicações à Fenaban e ao Comando Nacional. A importância da representação feminina na coordenação, negociação, comando e comissões, à frente do movimento sindical, na política e nas questões trabalhistas foi destacada durante o encontro. 


Representantes dos trabalhadores também ressaltaram a importância da mesa única e da participação do BB na mesa única. “Apesar de estarmos entregando a minuta específica do BB, que trata das nossas especificidades, as negociações precisam ser parte da construção conjunta da mesa única. É muito importante conseguirmos renovar o acordo e garantir a manutenção dos direitos conquistados”, explica Elisa Ferreira, representante da Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.
O calendário de negociações do Banco do Brasil deve ser definido em breve.

Minuta do Banco do Brasil 

Confira o Calendário de negociação Fenaban

04/08 – 11h Teletrabalho
06/08 – 14h Emprego
11/08 – 14h Saúde e Condições de trabalho
13/08 – 11h Igualdade
14/08 – 11h Cláusulas Sociais
18/08 – 11h Cláusulas Econômicas
20/08 – 11h Cláusulas Econômicas
21/08 – 11h Cláusulas Econômicas
25/08 – 14h Debate das pautas apresentadas
26/08 – 14h Debate das pautas apresentadas
27/08 – 14h Debate das pautas apresentadas
28/08 – 11h Debate das pautas apresentadas
  

Notícias Relacionadas

Financiários conquistam proposta com reajustes econômicos e garantias de direitos

Feeb SP/MS indica aceitação da proposta; assembleias devem ser realizadas até segunda-feira (10) Depois de uma negociação que se estendeu por quase três meses, os financiários conquistaram a garantia de todos os direitos da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) por dois anos. Em negociação realizada na manhã desta quarta-feira (5), de forma híbrida, a Federação […]

Leia mais

Financiários se reúnem com a Fenacrefi nesta quarta-feira (5)

Este será o terceiro encontro de negociação desde a entrega da pauta de reivindicações, realizada em 1º de julho Representantes dos financiários se reúnem com a Federação Interestadual das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Fenacrefi), nesta quarta-feira (5), às 11h, para dar continuidade às negociações da Campanha Nacional 2022. Esta será a terceira rodada […]

Leia mais

Feeb SP/MS discute nova terceirização do Santander nesta terça-feira (4)

Nesta terça-feira (4), dirigentes sindicais da Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (Feeb SP/MS) se reúnem para tratar sobre o tema “Terceirização do Santander”. A expectativa é a de que 1,7 mil empregados passem a atuar na empresa SX Tools, criada pelo próprio banco. O anúncio foi feito […]

Leia mais

Sindicatos filiados