Comissão de aprovados em concurso se reúne com Caixa Federal nesta sexta-feira

22.01.2016

A Comissão dos Aprovados no Concurso da Caixa Econômica Federal se reúne nesta sexta-feira (22) com superintendente nacional de Serviços Compartilhados de Gestão de Pessoas, Sebastião Martins Andrade. O encontro, agendado a pedido dos concursados, será realizado no prédio da Matriz II, em Brasília (DF), a partir das 15h. Na pauta, a falta de contratação […]

A Comissão dos Aprovados no Concurso da Caixa Econômica Federal se reúne nesta sexta-feira (22) com superintendente nacional de Serviços Compartilhados de Gestão de Pessoas, Sebastião Martins Andrade. O encontro, agendado a pedido dos concursados, será realizado no prédio da Matriz II, em Brasília (DF), a partir das 15h. Na pauta, a falta de contratação dos aprovados no concurso realizado em 2014.

Segundo o informativo divulgado nas redes sociais pelos aprovados, o objetivo da reunião é apresentar argumentos, números e fatos. Para eles, é inaceitável a Caixa Federal informar que está impossibilitada de aumentar o quadro de pessoal e até mesmo de repor as vagas abertas em razão de aposentadorias. Mais de três mil empregados aderiram Plano de Apoio à Aposentadoria lançado no primeiro semestre do ano passado.

A Comissão Executiva dos Empregados (CEE/Caixa) será representada na reunião por Genésio Cardoso, diretor do Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região. “Estamos atuando em várias frentes para conseguir a retomada das contratações. Além das tentativas de negociação com a Caixa, estamos acompanhando o andamento das apurações pelo MPT”. No último dia 8, o procurador Carlos Eduardo Brisolla, da Procuradoria Regional do Trabalho da 10ª Região, decidiu instaurar inquérito civil para investigar o caso.

Fabiana Matheus, coordenadora da CEE/Caixa, volta a cobrar diálogo por parte da direção do banco. “A empresa completou 155 anos na semana passada, e é urgente dar um basta nesse processo de enfraquecimento”.

Para o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira, “está claro que a Caixa pode e precisa ter mais empregados. Ainda mais agora que o governo fala em aumentar a oferta de crédito por meio dos bancos públicos”.

Fonte: Fenae Net

Notícias Relacionadas

Banco do Brasil se compromete a não mexer na gratificação dos caixas durante a Campanha Nacional 2024

A garantia foi dada pela direção do banco na terceira mesa de negociação da Campanha Nacional 2024, nesta sexta-feira (12), e tema será tratado durante período de renovação da CCT. O Banco do Brasil se comprometeu a não mexer na gratificação dos caixas durante a Campanha Nacional 2024 e a negociar a pauta durante o […]

Leia mais

Financiários cobram igualdade salarial e de oportunidades para mulheres e negros no setor

Com base em levantamento do Dieese, trabalhadores e trabalhadoras mostraram distorções salariais de gênero e raça Representantes dos financiários, no movimento sindical, se reuniram, nesta sexta-feira (12), com a Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi), para cobrar igualdade de oportunidades no setor. O encontro faz parte das negociações da Campanha Nacional […]

Leia mais

Nota da Feeb SP/MS sobre a destituição de gerentes da Caixa Asset

A Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul (Feeb SP/MS) manifesta sua profunda preocupação com a recente destituição de três gerentes da Caixa Asset, subsidiária da Caixa Econômica Federal responsável pela gestão de ativos. Esses gerentes foram removidos de seus cargos após recusarem-se a aprovar uma operação de […]

Leia mais

Sindicatos filiados