Federação dos Bancários realiza Encontro Regional dos Empregados da Caixa

24.05.2022

Encontro aconteceu sábado (21) de forma on-line e contou com a participação de representantes de diversas bases sindicais Representantes dos trabalhadores da Caixa Econômica Federal se reuniram sábado (21), de forma on-line no encontro Regional dos Empregados da Caixa.  A atividade registrou a participação de representantes de diversas bases sindicais. O objetivo do encontro foi […]

Encontro aconteceu sábado (21) de forma on-line e contou com a participação de representantes de diversas bases sindicais

Representantes dos trabalhadores da Caixa Econômica Federal se reuniram sábado (21), de forma on-line no encontro Regional dos Empregados da Caixa.  A atividade registrou a participação de representantes de diversas bases sindicais.

O objetivo do encontro foi a preparação para o 38° Congresso Nacional dos Empregados da Caixa Econômica Federal (Conecef), que deverá ocorrer nos próximos dias 9 e 10 de junho.

Logo após a abertura os participantes acompanharam a apresentação realizada pelo diretor de benefícios recentemente eleito para a Fundação dos Economiários Federais, Jair Ferreira, sobre os “Desafios para a nova Gestão da FUNCEF”.  Entre os desafios apresentados estão suprir o vácuo de representação na Funcef deixado por administrações anteriores, debater a legislação, promover tarefas de enfrentamento aos projetos do poder, bem como a incorporação do Plano Reb (plano dos empregados da CAIXA de 1998 até 2006) ao novo plano, a quebra de paridade entre patrocinadora e participantes do REG/REPLAN (Plano de benefícios patrocinado pela Caixa), estabelecer plano de comunicação com a participação ativa dos associados, entre outros.

Após a explanação os participantes tiveram um momento para questionamentos, comentários e sugestões.

“Temos o desafio de recolocar o país no caminho do desenvolvimento. A articulação com a Funcef é fundamental para se alcançar o objetivo mais amplo do desenvolvimento do Brasil”, pontuou Gabriel Musso, do sindicato dos Bancários de Campinas.

Comunicação e transparência também estiveram entre as principais considerações. “Um dos desafios da nova gestão da Funcef é estabelecer um canal de comunicação e a transparência. A divulgação deve ser feita continuamente para contemplar os anseios e questionamentos dos participantes”,  considerou Sérgio Cabeça, do Sindicato dos Bancários de Santos.

Eixos

Na sequência foi feita uma análise das propostas a serem encaminhadas para o Conecef 2022. Os eixos apresentados que deverão ser encaminhados ao Congresso são: Vida e Política; Democracia; Empresas Públicas, Bancos Públicos e Defesa da Caixa 100% Pública.

A defesa dos empregados da Caixa à eleição do presidente Lula foi debatida. O tema entrou em votação durante o encontro entre os participantes que optaram entre as propostas: “O apoio a candidatos que se comprometerem com as resoluções do Conclat e com o Fora Bolsonaro” e “Apoio ao candidato Luiz Inácio Lula da Silva, no primeiro turno”. A segunda proposta foi a vencedora com mais de 98% dos votos.

Após a elaboração das propostas foi apresentada uma prévia do relatório anual do Saúde Caixa, seguido pela escolha dos delegados e delegadas que representarão a instituição no 38° CONECEF.

“A tônica do encontro apontou a necessidade de mudarmos o rumo da gestão na Caixa. A busca de melhores condições de trabalho e avaliação de pessoas com justiça e transparência deverão priorizadas em nossa negociação”, destacou Carlos Augusto Pipoca, representante da Feeb SP/MS.

Encontros Regionais

Os Encontros regionais têm a finalidade de fornecer subsídios para a Campanha Nacional dos Bancários de 2022, sendo um período essencial para as negociações da CCT – Convenção Coletiva de Trabalho e dos ACT’s – Aditivos à convenção Coletiva de trabalho.

O evento contou também com a participação do secretário Geral da Feeb, Reginaldo Breda. “Sabemos dos desafios que iremos encontrar, mas os encontros regionais tem a capacidade de fortalecer as pautas e unir as defesas em prol do trabalhador. Foi um importante momento para debater e aprovar nossas reivindicações que irão para o CONCEF e uma vez aprovadas, seguem para a mesa de negociação”, disse o secretário.

 

Notícias Relacionadas

Financiários exigem fim de terceirizações e formalização do teletrabalho no setor

Movimento sindical também denunciou o aumento de contratações de correspondentes bancários, repassando os serviços para empresas que não cobrem os mesmos direitos reivindicados pela categoria Representantes dos trabalhadores financiários realizaram, nesta terça-feira (16), mais uma rodada da mesa de negociações com a Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi), desta vez, para […]

Leia mais

COE Santander reitera defesa dos direitos dos empregados durante negociação com o banco

A garantia do emprego foi um dos principais temas reivindicados A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander deu início às negociações do acordo específico com o banco, na tarde desta terça-feira (16). A defesa dos direitos dos trabalhadores e a garantia do empregos foram os principais temas debatidos. O movimento sindical cobrou o […]

Leia mais

Banco do Brasil se compromete a não mexer na gratificação dos caixas durante a Campanha Nacional 2024

A garantia foi dada pela direção do banco na terceira mesa de negociação da Campanha Nacional 2024, nesta sexta-feira (12), e tema será tratado durante período de renovação da CCT. O Banco do Brasil se comprometeu a não mexer na gratificação dos caixas durante a Campanha Nacional 2024 e a negociar a pauta durante o […]

Leia mais

Sindicatos filiados