Itaú tenta jogar opinião pública contra o Sindicato e fecha auto-atendimento

25.09.2012

A segunda semana da greve nacional dos bancários começou com as agências do Itaú localizadas no centro da cidade fechadas. Os funcionários destas unidades não trabalharam nesta segunda-feira, indignados com a postura dos banqueiros em não voltarem à mesa de negociação e nem apresentarem uma contra proposta para a categoria. O fato que causou estranheza […]

A segunda semana da greve nacional dos bancários começou com as agências do Itaú localizadas no centro da cidade fechadas.

Os funcionários destas unidades não trabalharam nesta segunda-feira, indignados com a postura dos banqueiros em não voltarem à mesa de negociação e nem apresentarem uma contra proposta para a categoria.

O fato que causou estranheza e indignação foi a atitude do Itaú em fechar as salas de auto-atendimento das agências em greve, numa clara intenção de fazer com que a população e a opinião pública se voltassem contra o Sindicato e seu legítimo direito de fazer a greve. Se não bastasse o fechamento do auto-atendimento, nas agências que estavam abertas era feita uma triagem, sendo atendidos somente quem interessava ao banco.

“O Itáu demonstra claramente que além de não respeitar seus funcionários, não respeita também seus clientes, impedindo-os de usar as salas de auto-atendimento. Queremos deixar claro à população que somos totalmente contra o fechamento do auto-atendimento e que o Itaú deve ser responsabilizado por isso”, afirmou o diretor do Sindicato Rogério Marques da Silva.

Fonte: Sindicato dos Bancários de Franca

Notícias Relacionadas

Após repercussão das denúncias de assédio sexual, Pedro Guimarães pede demissão

Testemunhos das vítimas vieram a público na terça-feira (28) e assustam pela quantidade de casos e pelo grau de desrespeito e crueldade; Ministério Público investiga em sigilo O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, entregou seu pedido de demissão na tarde desta quarta-feira (29) ao presidente da república, Jair Bolsonaro. A decisão foi tomada […]

Leia mais

NOTA OFICIAL

NOTA OFICIAL Pelo imediato afastamento de Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, e o acolhimento e preservação das vítimas Nós, bancárias de todo o Brasil, manifestamos nossa indignação pelos atos de assédio sexual praticados por Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, que ganharam repercussão na noite de desta terça-feira, 28/06/2022, ao serem divulgados […]

Leia mais

Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul repudia ações de Pedro Guimarães, acusado de assédio sexual

Além de apuração das denúncias, representação dos empregados pede afastamento do presidente da Caixa Após se tornar pública a acusação de assédio sexual feita por diferentes empregadas da Caixa Econômica Federal ao presidente Pedro Duarte Guimarães, a Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, se solidariza com as vítimas e manifesta […]

Leia mais

Sindicatos filiados