No mês da mulher, Federação dos Bancários realiza encontro pela Igualdade de Gênero

04.03.2022

Encontro contará com a participação da especialista em direitos das mulheres Phamela Godoy, coordenadora do projeto “Basta! A Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul realiza neste mês de março, em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres, comemorado no próximo dia 8, o Encontro pela Igualdade de Gênero. O […]

Encontro contará com a participação da especialista em direitos das mulheres Phamela Godoy, coordenadora do projeto “Basta!

A Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul realiza neste mês de março, em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres, comemorado no próximo dia 8, o Encontro pela Igualdade de Gênero.

O evento está programado para o dia 15 de março e será voltado para dirigentes, tanto mulheres como homens, dos 23 sindicatos filiados à Feeb.

O objetivo é promover e fortalecer a luta para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

Para a Federação dos Bancários, a defesa pela luta das mulheres sempre esteve no DNA do movimento sindical. “A igualdade de oportunidades é pauta permanente no meio sindical. Se quisermos ver o fim das relações abusivas de trabalho e da desigualdade na sociedade, devemos nos posicionar”, destaca Elisa Ferreira, representante da Feeb SP/MS e organizadora do evento.

Cenário

De acordo com o movimento sindical, apenas 0,3% das mulheres bancárias ocupam altos cargos de direção, em relação aos homens, e somente 1% das trabalhadoras ocupam cargos de direção.

Outro dado que merece atenção é o rendimento médio mensal das mulheres negras, que é de 73.3%, em relação ao dos homens brancos.

Quando se trata de violência, registros do 2º Censo da Diversidade, ainda apontam casos de bancárias que convivem com o problema, seja dentro ou fora do ambiente bancário, assim como a desigualdade.

“Apesar das conquistas acumuladas ao longo dos anos por meio da luta sindical, os dados ainda nos colocam em posição de alerta e bandeiras pela igualdade e pelo fim da violência ainda precisam permanecer ativas”, diz o secretário geral, Reginaldo Breda.

Programação

O encontro ocorre via aplicativo zoom. Os interessados em participar devem entrar em contato com a secretaria geral da Feeb. A programação conta com a participação da especialista em direitos das mulheres, Phamela Godoy, coordenadora do projeto “Basta! Não irão nos calar!”, aprovado pelo Comando Nacional dos Bancários, que assessora as entidades sindicais a criarem canais para atender bancárias em situação de violência doméstica e oferecer assistência jurídica especializada.

Dentre os temas previstos para o encontro estão: Violência Doméstica e Familiar; Violência Política de Gênero; Programa de Prevenção à Violência Contra a Mulher”, e o Projeto “Basta! Não Irão nos Calar”.

Notícias Relacionadas

Bancários aprovam acordos de trabalho do Santander

97,18% dos funcionários aprovaram o acordo com o banco Bancários do banco Santander de todo o país aprovaram, nesta quinta-feira (22), com 97,18% dos votos, o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) geral dos funcionários, aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria bancária, o ACT do Programa de Participação nos Resultados Santander (PPRS) e […]

Leia mais

Negociação dos Financiários continua sem avanços

Financeiras apresentam proposta abaixo da expectativa da categoria Representantes dos Financiários e a Federação Interestadual das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Fenacrefi) se reuniram nesta quinta-feira (22) para dar continuidade às negociações da campanha salarial da categoria. A pauta de reivindicações da categoria, com data-base em 1º de junho, foi entregue no dia 15 […]

Leia mais

Bancários do Santander participam de Assembleia nesta quinta-feira (22/9)

Votação acontece em plataforma eletrônica das 8h às 20h Nesta quinta-feira (22), bancários do Santander de todo o país participam de Assembleias para avaliar o Acordo Coletivo de Trabalho, o Acordo Coletivo de Trabalho sobre a Participação nos Lucros e Resultados (PPRS) e o Termo de Relações Laborais, todos com validade por dois anos. Os […]

Leia mais

Sindicatos filiados