Pagamento de horas extras segue indefinido pelo Santander

30.05.2020

Pagamento de horas extras e revisão de feriados e metas estiveram entre os questionamentos   Os sindicatos cobraram na última quarta-feira, 27, do Santander, durante reunião por videoconferência, o pagamento das horas extras realizadas nos feriados antecipados. Em resposta, o banco informou no dia seguinte, 28, que aguarda orientação do Banco Central (BC) para verificar o […]

Pagamento de horas extras e revisão de feriados e metas estiveram entre os questionamentos  

Os sindicatos cobraram na última quarta-feira, 27, do Santander, durante reunião por videoconferência, o pagamento das horas extras realizadas nos feriados antecipados. Em resposta, o banco informou no dia seguinte, 28, que aguarda orientação do Banco Central (BC) para verificar o pagamento. Enquanto isso, o assunto segue indefinido. O Banco Central não se manifestou ainda sobre a abertura ou fechamento dos bancos nos dias estabelecidos como feriados, em conformidade com o calendário nacional, sem sobre o pagamento das horas extras. A Federação dos Empregados em EstabelecimentosBancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul foi representada pela  presidente do Sindicato de Campinas, Ana Stela. “É preciso uma definição urgente. Para o banco, essa questão pode ser menor. Para os bancários, não. É importante, decisiva”, avalia Stela.

Outra reivindicação dos sindicatos foi com relação à cobrança de metas, que continua intensa, mesmo durante o período de pandemia do novo coronavírus. O Santander se comprometeu a analisar a questão. “É impossível cumprir metas neste momento em que as pessoas estão preocupadas com seus empregos. Ou seja, a conjuntura inviabiliza novos negócios. Portanto, a culpa não é dos funcionários, que não medem esforços para alcançar os objetivos traçados pelo banco. É preciso compreender que nem sempre será possível dobrar o capital dos bancos, em poucos anos, como ocorreu até a atual pandemia”, destaca a presidente. 

Notícias Relacionadas

Semana reforçou a conscientização sobre o combate às LER/Dort

A data chama atenção para duas doenças que têm relação direta com o trabalho e que atingem milhões de brasileiros Nesta semana, no dia 28 de fevereiro (última quarta-feira) foi o Dia Mundial de combate às Lesões por Esforços Repetitivos (LER) e Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (Dort). A data foi escolhida pela Organização Internacional […]

Leia mais

COE e Itaú discutem revisões nos programas de remuneração

Durante a reunião foram apresentadas modificações nos programas. O movimento sindical deve elaborar contraproposta em breve  A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú realizou nesta quarta-feira (28), em São Paulo, uma reunião com a direção do banco para debater questões relacionadas à remuneração dos funcionários. Durante o encontro, o banco apresentou alterações nos […]

Leia mais

Trabalhadores discutem futuro da Fundação Itaú-Unibanco

Em seminário promovido pela Contraf-CUT e COE Itaú trabalhadores debateram caminhos para aumentar representatividade na gestão do fundo de pensão Trabalhadoras e trabalhadores associados à Fundação Itaú-Unibanco se reuniram, nesta quinta-feira (29), em um seminário organizado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e pela Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú, […]

Leia mais

Sindicatos filiados