Previ: Carência de migração para perfis de investimento é reduzida

07.07.2022

Decisão faz parte dos compromissos assumidos por diretores e conselheiros eleitos pelos trabalhadores do BB A Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ) anunciou a redução de 12 para seis meses o período de carência para a migração entre os Perfis de Investimento. A decisão beneficia diretamente os participantes do plano Previ […]

Decisão faz parte dos compromissos assumidos por diretores e conselheiros eleitos pelos trabalhadores do BB
A Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ) anunciou a redução de 12 para seis meses o período de carência para a migração entre os Perfis de Investimento. A decisão beneficia diretamente os participantes do plano Previ Futuro.

A decisão faz parte dos compromissos assumidos pelos diretores e conselheiros eleitos com o apoio das entidades sindicais e representativas dos trabalhadores. “Trata-se de uma demanda antiga dos trabalhadores e que foi ouvida e colocada nos compromissos assumidos pela chapa 3, eleita em 2022 com o apoio dos sindicatos e representatividades. Além desta, outras decisões que favorecem o trabalhador estão sendo estudas para serem viabilizadas o mais breve possível, entre elas, resgate das contribuições patronais e rever a tabela PIP para aumentar as contribuições do banco e incluir os funcionários nas contribuições adicionais 2.b”, destaca Elisa Ferreira, membro eleita do Conselho Consultivo do plano Previ Futuro e representante da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul na Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB).

De acordo com a diretoria da Previ, a redução do período de carência ajuda a acelerar a decisão da associada ou associado no planejamento da sua aposentadoria.

Assessoria previdenciária

O diretor eleito de Seguridade da Previ, Wagner Nascimento, destacou que os associados têm à disposição uma assessoria para ajudar na escolha do perfil de investimento. “Temos profissionais qualificados para ajudar os trabalhadores do BB que estão no Previ Futuro a planejarem sua aposentadoria, para que possam fazer as melhores escolhas, de acordo com o perfil, com o objetivo de aumentar o valor dos benefícios futuros”, explica.

Atualmente, a Previ conta com oito perfis de investimento: quatro na categoria risco-alvo, em que as opções são entre maior e menor exposição em renda variável, e outros quatro, os chamados Ciclos de Vida, na categoria data-alvo, com base no período em que o associado pretende se aposentar (2030, 2040, 2050 ou 2060).

“É importante destacar que nos perfis Ciclo de Vida a quantidade de investimentos em renda variável é feita pela própria gestão da Previ, de acordo com o tempo para aposentadoria indicado na escolha do perfil”, ressalta Wagner.

Notícias Relacionadas

SANTANDER: Banco anuncia avanços em reunião com representantes dos funcionários

Negociações com a COE avança em medidas de benefício e capacitação O Santander anunciou nesta quinta-feira (22), durante a reunião com representantes da Comissão de Organização de Empregados (COE) Santander, avanços em medidas que beneficiam os funcionários. O encontro ocorreu em formato híbrido e contou com a participação de representantes dos funcionários e do banco. […]

Leia mais

BB prioriza diversidade na expansão das Gepes

Mulheres, negros, indígenas e PcDs terão prioridade no programa que irá dobrar a rede de Gestão de Pessoas O Banco do Brasil anunciou, nesta quarta-feira (21), um programa de expansão da rede de Gestão de Pessoas (Gepes). Durante a reunião com membros da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), o banco […]

Leia mais

COE do Bradesco discute reestruturação no banco

 Sindicato expressa preocupação com direção futura da instituição financeira A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco se reuniu na última terça-feira (20), na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo, para discutir a reestruturação anunciada pelo novo presidente do banco, Marcelo Noronha, em 7 de fevereiro, sem […]

Leia mais

Sindicatos filiados