Reajuste no adicional de funções do BB foi creditado nesta terça-feira (20)

21.09.2016

Mudança possibilita aumento salarial efetivo para milhares de funcionários do Banco do Brasil em vários níveis, de assistentes a gerentes Fruto das negociações da Campanha Nacional dos Bancários em 2013, o reajuste nos Adicionais de Função Gratificada – AFG dos assistentes e analistas e nos Adicionais de Função de Confiança – AFC dos supervisores de […]


Mudança possibilita aumento salarial efetivo para milhares de funcionários do Banco do Brasil em vários níveis, de assistentes a gerentes

Fruto das negociações da Campanha Nacional dos Bancários em 2013, o reajuste nos Adicionais de Função Gratificada – AFG dos assistentes e analistas e nos Adicionais de Função de Confiança – AFC dos supervisores de atendimento, gerentes e assessores, passou a valer desde 1º de setembro de 2016 e já foi creditado na folha de pagamento do Banco do Brasil, nesta terça-feira (20).

A mudança foi negociada em 2013 com ajustes nos percentuais do Adicional de Função de Confiança – AFC e do Adicional de Função Gratificada – AFG em relação aos Valores de Referência – VR das Respectivas Funções, nos seguintes termos:

– Em 01.09.2016, o percentual do Adicional de Função de Confiança – AFC em relação ao Valor de Referência – VR da respectiva Função de Confiança – FC, passará a ser 43,75%.

– A partir do mês de setembro de 2016 e a cada 3 (três) anos, o percentual do Adicional de Função Gratificada – AFG em relação ao Valor de Referência – VR da respectiva Função Gratificada – FG, passará a ser: I- Em 01.09.2016 – 18,75% II – Em 01.09.2019 – 25,00% III- Em 01.09.2022 – 31,25%; e IV- Em 01.09.2025 – 37,50%.

Na prática, assim como a carreira de mérito, o ajuste tem como objetivo aumentar efetivamente o salário bruto para o funcionário que ganha mais que o valor de referência ou diminuir o valor do complemento de função, diminuindo o tempo em que o funcionário ganhará apenas o VR do cargo, aumentando efetivamente o salário final ao longo do tempo.

Na avaliação do vice-presidente da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul (FEEB-SP/MS), Jeferson Boava “o pagamento do adicional de gratificação de função é uma importante conquista da nossa Campanha Salarial de 2013. Com ele, milhares de funcionários irão obter aumento de salário imediatamente. Porém, outros só irão desfrutar deste benefício ao longo do tempo, sofrendo reflexos, em função desse nefasto plano de cargos. Por isso, a importância da luta que os sindicatos vêm travando incessantemente para a alteração desse plano implementado unilateralmente pelo banco”, conclui.

Fonte: Contraf-CUT

 

Notícias Relacionadas

Santander implementa teletrabalho em áreas administrativas

Modalidade é válida para áreas administrativas e contemplam eixo São Paulo e Rio de Janeiro O Santander anunciou que irá implementar o teletrabalho (home office). A modalidade é válida para bancários das áreas administrativas, lotados majoritariamente no eixo São Paulo e Rio de Janeiro, segundo as regras previstas na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. As […]

Leia mais

Santander paga PLR e demais adicionais no dia 28 de fevereiro

Representantes da Comissão de Organização de Empregados (COE/Santander) foram informados nesta terça-feira (01), sobre a data de pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR). O valor será creditado no dia 28 deste mês. Junto com a PLR bancárias e bancários do Santander receberão os percentuais do Programa Próprio de Resultados do Santander (PPRS), do […]

Leia mais

Feeb SP/MS monta grupo de trabalho para discutir metas com Banco Itaú

Prazo para organização de grupos de representação se encerrou no último dia 31 Bancários representados pela Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul formalizaram o pedido junto ao banco para montagem de um grupo de trabalho para discussão de metas. De acordo com a cláusula 87 da Convenção Coletiva […]

Leia mais

Sindicatos filiados