Reportagem ressalta Bradesco como alvo de críticas na internet após manifestação em redes sociais

20.11.2020

Categoria foi às redes em combate às 1.800 demissões realizadas pelo banco este ano Nesta semana, diversas mídias publicaram reportagem sobre o manifesto da categoria bancária no twitter contra as demissões realizadas pelo banco Bradesco. A campanha com a utilização da hashtag #QueVergonhaBradesco foi responsável por um tuitaço que bombardeou as redes em protesto às […]

Categoria foi às redes em combate às 1.800 demissões realizadas pelo banco este ano

Nesta semana, diversas mídias publicaram reportagem sobre o manifesto da categoria bancária no twitter contra as demissões realizadas pelo banco Bradesco. A campanha com a utilização da hashtag #QueVergonhaBradesco foi responsável por um tuitaço que bombardeou as redes em protesto às 1.800 demissões ocorridas neste ano, mesmo em meio a pandemia, e após lucro de R$ 12 bilhões. O portal ig.com publicou "uma avalanche de mensagens foram publicadas criticando a instituição", veja mais aqui.

A reportagem explicou ainda que, além das demissões em meio à pandemia do novo coronavírus, as críticas ocorreram principalmente pelo lucro líquido contábil reportado pelo banco de R$ 6,888 no primeiro semestre e R$ 4,194 bilhões no terceiro trimestre deste ano, totalizando R$ 12,657 bilhões até o momento em 2020.

De acordo com o veículo, mesmo procurada, a assessoria de imprensa do Bradesco não se posicionou sobre o assunto.
 

Notícias Relacionadas

Semana reforçou a conscientização sobre o combate às LER/Dort

A data chama atenção para duas doenças que têm relação direta com o trabalho e que atingem milhões de brasileiros Nesta semana, no dia 28 de fevereiro (última quarta-feira) foi o Dia Mundial de combate às Lesões por Esforços Repetitivos (LER) e Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (Dort). A data foi escolhida pela Organização Internacional […]

Leia mais

COE e Itaú discutem revisões nos programas de remuneração

Durante a reunião foram apresentadas modificações nos programas. O movimento sindical deve elaborar contraproposta em breve  A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú realizou nesta quinta-feira (28), em São Paulo, uma reunião com a direção do banco para debater questões relacionadas à remuneração dos funcionários. Durante o encontro, o banco apresentou alterações nos […]

Leia mais

Trabalhadores discutem futuro da Fundação Itaú-Unibanco

Em seminário promovido pela Contraf-CUT e COE Itaú trabalhadores debateram caminhos para aumentar representatividade na gestão do fundo de pensão Trabalhadoras e trabalhadores associados à Fundação Itaú-Unibanco se reuniram, nesta quinta-feira (29), em um seminário organizado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e pela Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú, […]

Leia mais

Sindicatos filiados