Sindicato de Franca e Região protocola pedidos para priorizar bancários nos planos de vacinação contra COVID-19

10.06.2021

Documentos foram encaminhados aos 17 municípios que compõem a base da entidade Franca e Região O Sindicato dos Bancários de Franca entregou nesta semana, para as prefeituras das dezessete cidades que compõem a base da entidade, pedidos para que os bancários de cada município sejam priorizados na vacinação contra a Covid-19. O presidente da entidade, […]

Documentos foram encaminhados aos 17 municípios que compõem a base da entidade

Franca e Região

O Sindicato dos Bancários de Franca entregou nesta semana, para as prefeituras das dezessete cidades que compõem a base da entidade, pedidos para que os bancários de cada município sejam priorizados na vacinação contra a Covid-19.

O presidente da entidade, Edson Santos, argumenta no ofício que a atividade bancária é considera essencial nos termos do Decreto nº 10.282 de 20/03/2020, alterado pelo Decreto nº 10.329 de 28/04/20 e tem por finalidade atender os interesses dos clientes, usuários de serviços e de toda a sociedade.

O dirigente lembra, também, que os bancos não tiveram suas atividades interrompidas em nenhum momento desde a decretação da pandemia do novo coronavírus, o que expôs ainda mais os trabalhadores aos riscos da doença.

Para o secretário-geral da FEEB-SP/MS, Reginaldo Breda, apesar dos riscos enfrentados pelos bancários, a atuação desses trabalhadores foi fundamental para garantir o funcionamento dos programas de transferência de renda, como os auxílios emergenciais. "Desde o início da pandemia, os bancários ficaram na linha de frente, colocando suas vidas e a vida de suas famílias em risco. Uma atividade essencial, que permitiu que milhões de brasileiros pudessem receber o auxílio-emergencial e colocassem comida na mesa. Portanto, a inserção do bancário na relação de prioridade dos planos de imunização é fundamental para a valorização dos importantes serviços prestados, sobretudo, durante a pandemia", completa Breda.

FEEB na luta pela priorização dos bancários

A Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul protocolou, em maio, o ofício que pede a inclusão da categoria no Plano Estadual Imunização.

O documento, apresentado ao governador João Doria e ao secretário da Casa Civil Cauê Macris, aponta a relevância da categoria durante a crise sanitária, ratificada no decreto federal n° 10.329/20, que estabelece os serviços bancários como essenciais.

Notícias Relacionadas

Bancários aprovam acordos de trabalho do Santander

97,18% dos funcionários aprovaram o acordo com o banco Bancários do banco Santander de todo o país aprovaram, nesta quinta-feira (22), com 97,18% dos votos, o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) geral dos funcionários, aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria bancária, o ACT do Programa de Participação nos Resultados Santander (PPRS) e […]

Leia mais

Negociação dos Financiários continua sem avanços

Financeiras apresentam proposta abaixo da expectativa da categoria Representantes dos Financiários e a Federação Interestadual das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Fenacrefi) se reuniram nesta quinta-feira (22) para dar continuidade às negociações da campanha salarial da categoria. A pauta de reivindicações da categoria, com data-base em 1º de junho, foi entregue no dia 15 […]

Leia mais

Bancários do Santander participam de Assembleia nesta quinta-feira (22/9)

Votação acontece em plataforma eletrônica das 8h às 20h Nesta quinta-feira (22), bancários do Santander de todo o país participam de Assembleias para avaliar o Acordo Coletivo de Trabalho, o Acordo Coletivo de Trabalho sobre a Participação nos Lucros e Resultados (PPRS) e o Termo de Relações Laborais, todos com validade por dois anos. Os […]

Leia mais

Sindicatos filiados