1.028 agências foram paralisadas na base Feeb-SP/MS no 2º dia de greve

19.09.2012

Os Sindicatos da base da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul paralisaram nesta quarta-feira, segundo dia de greve, 1.028 agências. Aparecido Roveroni, diretor da Feeb-SP/MS e membro do Comando Nacional dos Bancários, destaca que os sindicatos estão ampliando a mobilização, a fim de conquistarem uma proposta decente diante da Fenaban. […]

Os Sindicatos da base da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul paralisaram nesta quarta-feira, segundo dia de greve, 1.028 agências. Aparecido Roveroni, diretor da Feeb-SP/MS e membro do Comando Nacional dos Bancários, destaca que os sindicatos estão ampliando a mobilização, a fim de conquistarem uma proposta decente diante da Fenaban. "A categoria está cada vez mais mobilizada. Ontem, os sindicatos filiados paralisaram 445 agências, hoje esse número foi para 1.028, o que demostra o engajamento de todos os bancários e disposição em lutar para que as nossas reivindicações sejam atendidas", disse Roveroni.

Também membro do Comando e secretário-geral da Feeb, Jeferson Boava ressalta que a greve avança a cada dia e a categoria deixa claro que sem proposta decente, os bancos vão permanecer fechados. “A proposta de 6% de reajuste da Fenaban é insuficiente. Sem falar na PLR, garantia de emprego e mais segurança”, conclui Jeferson.

Iniciada ontem, a greve foi aprovada no último dia 12 em assembleias realizadas pelos sindicatos e segue por tempo indeterminado. No primeiro dia, os bancárioas paralisaram 5.132 agências e no segundo dia, ampliaram para 7.324.

Veja abaixo o quandro de paralisações:

Principais reivindicações dos bancários

– Reajuste salarial de 10,25%, o que significa 5% de aumento real acima da inflação projetada de 4,97% nos últimos 12 meses.

– PLR de três salários mais R$ 4.961,25 fixos.

– Piso da categoria equivalente ao salário mínimo do Dieese (R$ 2.416,38).

– Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para todos os bancários.

– Auxílio-educação para graduação e pós-graduação.

– Auxílio-refeição, cesta-alimentação e auxílio creche/babá: R$ 622,00.

– Emprego: aumentar as contratações, acabar com a rotatividade, fim das terceirizações, aprovação da Convenção 158 da OIT (que inibe demissões imotivadas) e universalização dos serviços bancários.

– Cumprimento da jornada de 6 horas para todos.

– Fim das metas abusivas e combate ao assédio moral para preservar a saúde dos bancários.

– Mais segurança nas agências e postos bancários.

– Previdência complementar para todos os bancários.

– Contratação total da remuneração, o que inclui a renda variável.

– Igualdade de oportunidades.

Crédito foto de home: Julio César Costa – SEEB Campinas
 

Notícias Relacionadas

Caixa terá processo seletivo para a escolha dos diretores da FUNCEF

Inscrições já foram iniciadas e seguem até a próxima quinta-feira (9/2) Os cargos de diretor-presidente e diretor de Investimentos e Participações Societárias e Imobiliárias da Fundação dos Economiários Federais (FUNCEF) serão escolhidos por meio de processo seletivo. O anúncio foi feito em edital publicado pela Caixa. As inscrições tiveram início na última sexta-feira (3/2) e […]

Leia mais

Santander implementa teletrabalho em áreas administrativas

Modalidade é válida para áreas administrativas e contemplam eixo São Paulo e Rio de Janeiro O Santander anunciou que irá implementar o teletrabalho (home office). A modalidade é válida para bancários das áreas administrativas, lotados majoritariamente no eixo São Paulo e Rio de Janeiro, segundo as regras previstas na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. As […]

Leia mais

Santander paga PLR e demais adicionais no dia 28 de fevereiro

Representantes da Comissão de Organização de Empregados (COE/Santander) foram informados nesta terça-feira (01), sobre a data de pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR). O valor será creditado no dia 28 deste mês. Junto com a PLR bancárias e bancários do Santander receberão os percentuais do Programa Próprio de Resultados do Santander (PPRS), do […]

Leia mais

Sindicatos filiados