4º dia de greve tem 1.220 agências paralisadas na base da Feeb-SP/MS

24.09.2012

No quarto dia de mobilização, greve cresce e os 23 sindicatos filiados à Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul fecham 1.220 agências.  Veja abaixo o quadro de paralisações:  Comando orienta intensificar greve Em reunião na última sexta-feira (21/09) em São Paulo, o Comando Nacional dos Bancários avaliou a primeira semana […]

No quarto dia de mobilização, greve cresce e os 23 sindicatos filiados à Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul fecham 1.220 agências. 

Veja abaixo o quadro de paralisações: 

Comando orienta intensificar greve
Em reunião na última sexta-feira (21/09) em São Paulo, o Comando Nacional dos Bancários avaliou a primeira semana da greve no país e decidiu orientar os sindicatos a intensificar a greve.

Principais reivindicações dos bancários

– Reajuste salarial de 10,25%, o que significa 5% de aumento real acima da inflação projetada de 4,97% nos últimos 12 meses.

– PLR de três salários mais R$ 4.961,25 fixos.

– Piso da categoria equivalente ao salário mínimo do Dieese (R$ 2.416,38).

– Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para todos os bancários.

– Auxílio-educação para graduação e pós-graduação.

– Auxílio-refeição, cesta-alimentação e auxílio creche/babá: R$ 622,00.

– Emprego: aumentar as contratações, acabar com a rotatividade, fim das terceirizações, aprovação da Convenção 158 da OIT (que inibe demissões imotivadas) e universalização dos serviços bancários.

– Cumprimento da jornada de 6 horas para todos.

– Fim das metas abusivas e combate ao assédio moral para preservar a saúde dos bancários.

– Mais segurança nas agências e postos bancários.

– Previdência complementar para todos os bancários.

– Contratação total da remuneração, o que inclui a renda variável.

– Igualdade de oportunidades.

 

Notícias Relacionadas

SANTANDER: Banco anuncia avanços em reunião com representantes dos funcionários

Negociações com a COE avança em medidas de benefício e capacitação O Santander anunciou nesta quinta-feira (22), durante a reunião com representantes da Comissão de Organização de Empregados (COE) Santander, avanços em medidas que beneficiam os funcionários. O encontro ocorreu em formato híbrido e contou com a participação de representantes dos funcionários e do banco. […]

Leia mais

BB prioriza diversidade na expansão das Gepes

Mulheres, negros, indígenas e PcDs terão prioridade no programa que irá dobrar a rede de Gestão de Pessoas O Banco do Brasil anunciou, nesta quarta-feira (21), um programa de expansão da rede de Gestão de Pessoas (Gepes). Durante a reunião com membros da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), o banco […]

Leia mais

COE do Bradesco discute reestruturação no banco

 Sindicato expressa preocupação com direção futura da instituição financeira A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco se reuniu na última terça-feira (20), na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo, para discutir a reestruturação anunciada pelo novo presidente do banco, Marcelo Noronha, em 7 de fevereiro, sem […]

Leia mais

Sindicatos filiados