Agências de Sorocaba e região sofrem com novo tipo de assalto

11.08.2017

Uma nova modalidade de assalto está surgindo em agências bancárias de Sorocaba. Ela acontece sempre à luz do dia e se aproveita do grande movimento das agências. Uma quadrilha – estima-se que composta por cerca de 5 integrantes – tem como alvo o roubo da agência pela porta de abastecimento dos caixas eletrônicos. Para isso, […]

Uma nova modalidade de assalto está surgindo em agências bancárias de Sorocaba. Ela acontece sempre à luz do dia e se aproveita do grande movimento das agências. Uma quadrilha – estima-se que composta por cerca de 5 integrantes – tem como alvo o roubo da agência pela porta de abastecimento dos caixas eletrônicos. Para isso, um dos bandidos se finge de cliente que não consegue entrar na agência pela porta giratória e começa a fazer alarido, desviando a atenção dos demais clientes e do segurança.

Enquanto isso, outros integrantes da quadrilha aguardam o momento certo para entrar na agência pela porta lateral que dá acesso ao abastecimento dos caixas eletrônicos. Outros bandidos, discretamente, dão cobertura para o assalto na rua, do lado de fora.

Bradesco

Foi assim em pelo menos quatro agências da região nos últimos tempos. As última tentativa de assalto desse tipo aconteceu dia 7 de agosto último, na agência do Bradesco da Avenida São Paulo, em Sorocaba, em plena luz do dia. Durante a manutenção das máquinas de autoatendimento, por volta das 9 horas da manhã, o funcionário do banco ouviu barulhos no autoatendimento. Ao serem vistos, os bandidos fugiram. Além dos dois que tentavam entrar pela porta do autoatendimento, havia três outros dando cobertura. Em menos de 10 minutos da fuga dos bandidos, o carro forte chegou à agência para fazer o abastecimento. “Acreditamos que eles aguardavam a chegada do carro forte, para consumar o assalto”, comenta Julio Cesar Machado, presidente do Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região.

Banco do Brasil

Dessa mesma maneira e no mesmo dia, aconteceram os ataques à duas agências do Banco do Brasil em Votorantim, uma na rua Monte Alegre e outra na avenida 31 de Março. Nessa última o assalto se consumou. Foram encontradas diversas ferramentas no chão, além de sinais de arrombamento, como a violação do cofre, corte da fiação e bloqueios nos sensores de movimento. A quantia levada não foi divulgada.

Já a agência Monte Alegre, teve melhor sorte – o crime não se consumou. “Ao entrar na agência, o vigilante percebeu que a porta de abastecimento dos caixas eletrônicos estava forçada. Ele avisou a gerente, que chamou a equipe da manutenção. Um bandido fingindo-se de cliente começou a causar confusão na entrada da agência, enquanto outros três comparsas, aguardavam o momento certo de entrar na agência pela porta forçada, na parte de trás do terminal bancário. O vigilante percebeu a presença dos homens e sacou a arma, fazendo-os fugir”, diz Neli Dotto, diretora do Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região, que foi até a agência. Os bandidos estavam vestidos com calça social preta e camisa branca. Equipes fizeram buscas no entorno da agência, mas nenhum suspeito foi localizado.

Há algum tempo atrás, a agência do Banco do Brasil da avenida Itavuvu, em Sorocaba, também sofreu esse mesmo tipo de ação. Enquanto um suposto cliente fazia escândalo na porta giratória do banco, outros comparsas arrombaram a porta de abastecimento dos caixas eletrônicos e fugiram com o dinheiro.

“É importante a relação desses quatro casos, porque nos mostra que não se trata de um crime isolado, mas de uma quadrilha que age sempre da mesma maneira. Assim, devemos ficar sempre alertas e acionar o segurança na menor suspeita de algum detalhe incomum no autoatendimento”, frisa Julio Cesar Machado, presidente do Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região.

Fonte: Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região – Juliana Alonço

 

Notícias Relacionadas

Santander implementa teletrabalho em áreas administrativas

Modalidade é válida para áreas administrativas e contemplam eixo São Paulo e Rio de Janeiro O Santander anunciou que irá implementar o teletrabalho (home office). A modalidade é válida para bancários das áreas administrativas, lotados majoritariamente no eixo São Paulo e Rio de Janeiro, segundo as regras previstas na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. As […]

Leia mais

Santander paga PLR e demais adicionais no dia 28 de fevereiro

Representantes da Comissão de Organização de Empregados (COE/Santander) foram informados nesta terça-feira (01), sobre a data de pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR). O valor será creditado no dia 28 deste mês. Junto com a PLR bancárias e bancários do Santander receberão os percentuais do Programa Próprio de Resultados do Santander (PPRS), do […]

Leia mais

Feeb SP/MS monta grupo de trabalho para discutir metas com Banco Itaú

Prazo para organização de grupos de representação se encerrou no último dia 31 Bancários representados pela Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul formalizaram o pedido junto ao banco para montagem de um grupo de trabalho para discussão de metas. De acordo com a cláusula 87 da Convenção Coletiva […]

Leia mais

Sindicatos filiados