Bancários aprovam nova convenção de trabalho

02.09.2022

78,37% das bancárias e bancários que utilizaram a ferramenta de votação eletrônica votabem a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) A nova Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) foi aprovada nesta quinta-feira (1), com 78,37% dos votos. Os sindicatos dos bancários da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul realizaram assembleias e participaram […]

78,37% das bancárias e bancários que utilizaram a ferramenta de votação eletrônica votabem a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT)
A nova Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) foi aprovada nesta quinta-feira (1), com 78,37% dos votos. Os sindicatos dos bancários da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul realizaram assembleias e participaram da votação junto com bancários de todo o país.
O percentual considera os resultados apenas das entidades sindicais que utilizam a plataforma de votação eletrônica https://bancarios.votabem.com.br/.

Com a aprovação, a próxima fase é a assinatura do acordo, prevista para esta sexta-feira (2), a partir das 11h, em São Paulo.
Acordo
O acordo foi fechado após dois meses e meio de duras negociações, nas quais o Comando Nacional dos Bancários precisou arrancar da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) uma proposta para 2022 e 2023, com reajuste de 8% nos salários, aumento de 10% nos vales alimentação (VA) e refeição (VR), além de um adicional de R$ 1.000,00 em vale alimentação, a ser creditado até outubro de 2022. A proposta também prevê reajuste de 13% para o teto da parcela adicional da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) neste ano e, para 2023, aumento real de 0,5% (INPC + 0,5%) para salários, PLR, VA/VR e demais cláusulas econômicas. A nova CCT também traz avanços com uma cláusula sobre teletrabalho e também sobre assédio sexual e assédio moral (leia mais sobre o acordo).

“Assinaremos logo mais a nova CCT. Após muita negociação chegamos ao término com um resultado positivo, que garante os direitos do trabalhador, avança nas cláusulas, repõe a inflação e traz melhorias para os tíquetes e PLR. São conquistas importantes para o trabalhador”, diz o presidente da Feeb SP/MS, David Zaia.

Notícias Relacionadas

Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul entrega minuta de reivindicações à Fenaban

A Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (Feeb SP/MS) entregou nesta terça-feira (18) à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) a minuta de reivindicações que servirá de base para a Campanha Nacional de 2024, que visa a renovação da Convenção Coletiva de Trabalho. A entrega aconteceu em São Paulo, […]

Leia mais

Comando Nacional dos Bancários entregará minuta de reivindicações à Fenaban no dia 18

No mesmo dia, trabalhadores do BB e da Caixa farão a entrega das minutas específicas de cada banco O Comando Nacional dos Bancários entregará à Federação Nacional do Bancos (Fenaban), na próxima terça-feira (18), a minuta de reivindicações que servirá de base à Campanha Nacional de 2024, para a renovação da Convenção Coletiva de Trabalho […]

Leia mais

Bancários aprovam minuta de reivindicações da Campanha Nacional 2024

Documento, que servirá de base à renovação da Convenção Coletiva de Trabalho da categoria, será entregue à Fenaban no próximo dia 18 Bancárias e bancários, de todo o Brasil, aprovaram, em assembleias realizadas nesta quinta-feira (13), a minuta de reivindicações que servirá de base à Campanha Nacional de 2024, para a renovação da Convenção Coletiva […]

Leia mais

Sindicatos filiados