Bancários do Itaú e Santander conquistam garantia de empregos por meio de reivindicação do Comando Nacional

25.03.2020

Serviços presenciais nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal acontecem somente em casos excepcionais Nesta terça-feira, 24, a Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul se reuniu novamente com o Comando Nacional por videoconferência. O objetivo foi dar prosseguimento às discussões de […]

Serviços presenciais nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal acontecem somente em casos excepcionais

Nesta terça-feira, 24, a Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul se reuniu novamente com o Comando Nacional por videoconferência. O objetivo foi dar prosseguimento às discussões de garantia de emprego e remuneração. Os atendimentos bancários também estiveram mais uma vez em pauta.
“Hoje, de diversas formas, temos em torno de 200 mil colegas em suas casas. Temos que verificar distorções no dia-a-dia e denunciar para que tomemos as medidas necessárias, sem esquecer da velha e eficiente intervenção sindical. Vamos continuar em alerta e reconhecer o que cada dirigente tem feito nesses dias de dificuldade. Parabéns a cada um de vcs”, comenta o vice-presidente da Feeb SP MS, Jeferson Boava.

Entre as reivindicações negociadas coletivamente e já conquistadas estão a liberação de profissionais de grupo de risco, entre eles, acima de 60 anos, gestantes, ou com alguma questão de saúde debilitada e a liberação de mais de 200 mil bancários para a prestação de serviço à distancia por meio da modalidade Home Office.
Durante a videoconferência, os representantes da categoria debateram as respostas já enviadas pelos bancos após reivindicações do Comando Nacional e avaliaram ainda, as medidas implantadas até o momento.

Posicionamento dos Bancos
Durante a reunião, os Bancos Itaú e Santander informaram que acataram a reivindicação de garantia de emprego dos trabalhadores enquanto a pandemia gerada pelo novo coronavírus (COVID-19) não for dissipada.
Já a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, além de liberar trabalhadores para o serviço de home office, anunciou o funcionamento das agências somente para casos essenciais, de modo que garanta a sobrevivência tanto dos usuários, como dos clientes.

Santander, Itaú e Bradesco também estão adotando medidas de contingenciamento para a entrada nas agências.

“É importante continuarmos unidos para que a categoria seja assegurada neste momento crítico que vivemos em relação à pandemia. Estamos à disposição de cada um e agindo de forma participativa e constante junto ao Comando Nacional em defesa do bancário”, conclui Boava.

Outras conquistas

Os bancários também conquistaram a antecipação do 13º em vários bancos, como forma de garantir renda e ajuda aos familiares.

O Santander fechou parte das agências por localidade e colocou parte do quadro de funcionários em férias coletivas.

Todos os que estão com suspeita de terem contraído o vírus e os que tiveram contato com estes, foram liberados do trabalho e as unidades em que eles trabalham são higienizadas segundo as orientações das autoridades sanitárias, conforme acordado.

Os bancos também prometeram intensificar as campanhas de comunicação, inclusive na TV, sobre as medidas sanitárias de prevenção e as posturas sociais a serem tomadas para impedir , ou reduzir a propagação da doença.
 

Notícias Relacionadas

Caixa cancela negociação sobre redução de jornada para responsáveis por PcD

Empregados cobram, há mais de um ano, o direito à redução da jornada para pais, mães ou responsáveis por PcD A Caixa Econômica Federal cancelou hoje, na última hora, a reunião de negociação sobre a concessão do direito à redução da jornada para pais, mães ou responsáveis por pessoas com deficiência ou transtorno do espectro […]

Leia mais

União faz a força dos trabalhadores e consagra o “22 de Maio por mais Direitos” em Brasília

23/05/2024 A Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (Feeb-SP/MS) foi representada pelo presidente do Sindicato dos Bancários de Campinas, Lourival Rodrigues, durante o 22 de Maio por Mais Direito, realizado ontem (22), em Brasília. O ato uniu a classe trabalhadora de todo o Brasil em […]

Leia mais

Dirigentes da base da Feeb-SP/MS recebem segundo módulo do curso de formação da Contraf-CUT

Programa trata da estruturação histórica das organizações sindicais e da luta dos trabalhadores O Curso de Formação Sindical para Dirigentes, da Secretaria de Formação da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), estreia o seu segundo módulo nesta sexta-feira (17) e no sábado (18) para as bases da Federação dos Bancários de São Paulo […]

Leia mais

Sindicatos filiados