Bancários paralisaram todas as agências do Santander em Santos contra assédio e demissões

09.05.2013

Bancários, organizados pela diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região paralisaram, dia 09/05, todas as agências do Santander em Santos/SP, das 10h às 12h. Já a agência Centro/Santos (Pça Mauá), que abriga as duas superintendências do banco na Baixada Santista, por conta dos assédios ficou sem atendimento durante o dia todo. Retrospectiva Dia […]

Bancários, organizados pela diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região paralisaram, dia 09/05, todas as agências do Santander em Santos/SP, das 10h às 12h. Já a agência Centro/Santos (Pça Mauá), que abriga as duas superintendências do banco na Baixada Santista, por conta dos assédios ficou sem atendimento durante o dia todo.

Retrospectiva

Dia 02/05, foram paralisadas 6 agências

A categoria já havia paralisado seis agências, dia 02/04, interrompendo o atendimento por 24h, na cidade.

Superintendências são principais alvos das denúncias

Muitas denúncias de assédio, pressão, maus tratos e demissões chegam à diretoria do Sindicato contra várias chefias, apontando principalmente as superintendências. De acordo com os funcionários, o ambiente de trabalho tornou-se um inferno, a ponto de adoecer os trabalhadores. “Ninguém consegue mais trabalhar”, escrevem nas denúncias.

Mais de 2.500 foram demitidos desde 2012 no Brasil

O Banco Santander demitiu mais de 2.500 bancários, entre 2012 e 13, pais e mães de família, muitos deles próximos da aposentadoria. Não há razão econômica para esse ataque desumano contra os trabalhadores brasileiros. O Santander é um dos cinco maiores bancos que operam no Brasil.

De janeiro de 2012 a março deste ano, teve lucro líquido de quase R$ 6,5 bilhões.

Mais respeito com os trabalhadores e clientes Brasileiros

Mas é só no Brasil que o Santander demite em massa. Nem na Espanha, que está numa crise profunda, há demissões. Por que o banco espanhol usa o Brasil para tirar sua maior fatia de lucros e deixa aqui milhares de mães e pais de família desempregados?

A diretoria do Sindicato exige que o Santander respeite o Brasil e os trabalhadores brasileiros. O Santander é o 2º no ranking nacional de mais multados pela Polícia Federal por falhas de segurança (R$ 1, 06 milhão).

Fonte: Sindicato dos Bancários de Santos

 

Notícias Relacionadas

Dirigentes da base da Feeb-SP/MS recebem segundo módulo do curso de formação da Contraf-CUT

Programa trata da estruturação histórica das organizações sindicais e da luta dos trabalhadores O Curso de Formação Sindical para Dirigentes, da Secretaria de Formação da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), estreia o seu segundo módulo nesta sexta-feira (17) e no sábado (18) para as bases da Federação dos Bancários de São Paulo […]

Leia mais

Bancários se preparam para Conferência Nacional da categoria

Consulta aos trabalhadores nas bases sindicais de todo o país e conferências estaduais e regionais servirão de subsídio para os debates nacionais que levarão à construção da pauta de reivindicações e da estratégia da Campanha Nacional 2024 Bancárias e bancários de todo o país se reúnem, em São Paulo, entre os dias 4 e 9 […]

Leia mais

Lucro da Caixa cresceu 49% no 1º trimestre de 2024

Com 1,56 milhão de novos clientes e 168 empregados a menos no quadro de pessoal, aumenta também a sobrecarga A Caixa Econômica Federal anunciou na noite de quarta-feira (15) um lucro líquido recorrente de R$ 2,88 bilhões no primeiro trimestre de 2024, alta de 49,1% em comparação ao mesmo período de 2023 e de 0,5% em relação […]

Leia mais

Sindicatos filiados