Caixa Federal: proposta para promoção por mérito é insatisfatória

30.01.2015

Os sindicatos avaliaram como insatisfatória a proposta para promoção por mérito apresentada pela Caixa Federal, no último dia 28, durante o primeiro debate sobre o tema. Para os representantes dos empregados na comissão paritária do Plano de Cargos e Salários (PCS), criada para formular critérios para o exercício de 2015, a proposta da Caixa Federal […]

Os sindicatos avaliaram como insatisfatória a proposta para promoção por mérito apresentada pela Caixa Federal, no último dia 28, durante o primeiro debate sobre o tema. Para os representantes dos empregados na comissão paritária do Plano de Cargos e Salários (PCS), criada para formular critérios para o exercício de 2015, a proposta da Caixa Federal não atende os empregados porque a Caixa Federal quer vincular a sistemática de promoções ao cumprimento de metas e às Aregs (Autorização de Regularização do Ponto Eletrônico). O diretor do Sindicato, Marcelo Lopes, participou do debate, realizado em Brasília, como representante da Federação dos Bancários de SP e MS. No dia 4 de fevereiro acontece a segunda reunião

Outro ponto criticado pelos sindicatos refere-se a posição da Caixa Federal em atrelar a concessão dos deltas por merecimento à resolução do Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais, de outubro de 1996, que estabelece que o valor total a ser investido pelas empresas públicas com promoção fica limitado a 1% da folha de pagamento.

Transparência

Os representantes dos empregados solicitaram mais informações à Caixa Federal para subsidiar a próxima discussão. Entre as solicitações, detalhamento sobre o quantitativo de promovíveis e os critérios de pontuação. A expectativa dos empregados é que as regras sejam definidas o mais rápido possível, permitindo assim que todos tenham conhecimento ainda no primeiro trimestre deste ano. O debate e formulação de proposta para uma nova sistemática de promoção por mérito neste ano, com as consequentes promoções em 2016, é uma conquista da Campanha Nacional realizada no ano passado.

Fonte: SEEB Campinas, com informações da Fenae

Notícias Relacionadas

CEBB negocia com o banco cláusulas econômicas e representação sindical

Ao término da negociação, bancários leram manifesto pela democracia Bancários do Banco do Brasil se reuniram nesta sexta-feira (12) com o banco para mais uma negociação da Campanha Nacional dos Bancários 2022, que tem por objetivo a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) específico dos trabalhadores do Banco do Brasil e do aditivo à […]

Leia mais

Federação dos Bancários orienta Sindicatos para realização de lives na próxima semana

Objetivo é promover o dialogo com a categoria e fortalecer pautas de luta na Campanha Nacional Conforme orientação do Comando Nacional, todo o movimento sindical deve dialogar com a categoria na próxima semana. A Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, reforça o pedido para os seus 23 sindicatos filiados, para […]

Leia mais

Negociações entre COE Santander e banco avançam

Esforço dos sindicatos foi fundamental para o avanço de pautas especificas para mulheres Nesta sexta-feira (12), representantes da Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander se reuniu com o banco para dar continuidade às negociações da Campanha Nacional dos Bancários 2022, que tem por objetivo a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) específico […]

Leia mais

Sindicatos filiados