Comando Nacional começa negociações específicas com BB nos dias 13 e 14

01.08.2012

Crédito: Júlio C Costa O Comando Nacional dos Bancários definiu o início das negociações específicas da Campanha Nacional dos Bancários 2012 com o Banco do Brasil. A primeira rodada foi agendada para os dias 13 e 14 de agosto, em Brasília. Essa rodada acontece entre a primeira e a segunda negociação entre o Comando Nacional […]

Crédito: Júlio C Costa

O Comando Nacional dos Bancários definiu o início das negociações específicas da Campanha Nacional dos Bancários 2012 com o Banco do Brasil. A primeira rodada foi agendada para os dias 13 e 14 de agosto, em Brasília.

Essa rodada acontece entre a primeira e a segunda negociação entre o Comando Nacional e a Fenaban, que ocorrem nos 7 e 8 de agosto e nos dias 15 e 16 de agosto, em São Paulo, para discutir a pauta de reivindicações da categoria.

Os trabalhadores irão discutir com a direção do BB a pauta específica aprovada no 23º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil, realizado de 15 a 17 de junho, em Guarulhos-SP.

"Estamos com grande expectativa e muita disposição para debater todas as demandas específicas, ponto a ponto, buscando propostas concretas do banco", afirma William Mendes, secretário de formação da Contraf-CUT e coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, órgão que assessora o Comando Nacional nas negociações com o banco.

"Queremos avanços para valorizar os funcionários do BB, como a jornada de seis horas para todos e o plano de carreira", aponta o dirigente sindical.

Antes da negociação, a Comissão de Empresa se reúne às 9 horas do dia 13, na sede da Contraf-CUT, no espaço do Sindicato dos Bancários de Brasília, para preparar as discussões com o BB.

Fonte: Contraf-CUT  

Leia também: Resoluções do 23º Congresso Nacional dos Funcionários do BB 

Notícias Relacionadas

Após repercussão das denúncias de assédio sexual, Pedro Guimarães pede demissão

Testemunhos das vítimas vieram a público na terça-feira (28) e assustam pela quantidade de casos e pelo grau de desrespeito e crueldade; Ministério Público investiga em sigilo O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, entregou seu pedido de demissão na tarde desta quarta-feira (29) ao presidente da república, Jair Bolsonaro. A decisão foi tomada […]

Leia mais

NOTA OFICIAL

NOTA OFICIAL Pelo imediato afastamento de Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, e o acolhimento e preservação das vítimas Nós, bancárias de todo o Brasil, manifestamos nossa indignação pelos atos de assédio sexual praticados por Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, que ganharam repercussão na noite de desta terça-feira, 28/06/2022, ao serem divulgados […]

Leia mais

Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul repudia ações de Pedro Guimarães, acusado de assédio sexual

Além de apuração das denúncias, representação dos empregados pede afastamento do presidente da Caixa Após se tornar pública a acusação de assédio sexual feita por diferentes empregadas da Caixa Econômica Federal ao presidente Pedro Duarte Guimarães, a Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, se solidariza com as vítimas e manifesta […]

Leia mais

Sindicatos filiados