Conheça as propostas da chapa “Banesprev Somos Nós””: por mais poder e mais benefícios aos participantes”

14.01.2014

De 1º a 15 de fevereiro acontecem eleições para o Banesprev (Fundo Banespa de Seguridade Social) e a Feeb SP/MS (Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul) apoia a candidata Ana STELA Alves para o Comitê de Investimentos. Stela compõe a chapa “Banesprev Somos Nós”, que conta com Shisuka Sameshima que […]

De 1º a 15 de fevereiro acontecem eleições para o Banesprev (Fundo Banespa de Seguridade Social) e a Feeb SP/MS (Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul) apoia a candidata Ana STELA Alves para o Comitê de Investimentos. Stela compõe a chapa “Banesprev Somos Nós”, que conta com Shisuka Sameshima que concorre para a Diretoria Administrativa; Walter Oliveira para a Diretoria Financeira; e Stela e Márcia Campos para o Comitê de Investimentos (O participante deve votar em dois candidatos). A votação ocorre por meio de correio e internet. 

Por que votar na chapa "Banesprev Somos Nós"?

Os candidatos são experientes, sérios e comprometidos pela perenidade do Fundo Banespa. São pessoas com grande conhecimento de Banesprev, que travam há bastante tempo as lutas em benefício dos banespianos e banespianas, e capacitadas para enfrentar o momento decisivo para os fundos de pensão. Conheça algumas ideias por mais benefícios abaixo e fique atento à divulgação de novas propostas da chapa!

POR MAIS PODER AOS PARTICIPANTES

Pelo fim do voto de minerva na Diretoria Executiva e Conselho Deliberativo
Já tramita na Câmara Federal o projeto 161/12, de autoria do deputado federal Ricardo Berzoini, que visa a alteração e várias outras nas legislações referentes à Previdência Complementar. Os integrantes da chapa ‘Banesprev Somos Nós’ contribuíram no projeto e defendem que participantes e patrocinador tenham o mesmo poder de decisão.

Diminuir as interferências do Banco Santander no Banesprev
Fortalecer o Comitê de Investimentos. Para evitar o conflito de interesses, membros do colegiado não poderão apresentar propostas de investimentos.

Alteração na forma de equacionamento de déficits (CGPC 26/2008)
Os benefícios são projetados para décadas e o equacionamento, dependendo do caso, é imediato. Nos planos superavitários, recursos voltam para o patrocinador em total desrespeito às leis previdenciárias. Lutamos e continuamos a lutar pelo fim dessa norma que já causou enormes perdas aos participantes principalmente do Plano II.

Banesprev como entidade única de Previdência do banco Santander
Antiga reivindicação sindical para que todos os planos de previdência do banco sejam geridos pelo Banesprev, medida que trará ganho de escala com redução de taxas de administração à entidade e melhores rentabilidades.

Recuperação de membro eleito no Conselho Deliberativo
Lutar pela eleição do terceiro membro do colegiado, em substituição ao Diretor Representante (DIREP), vaga suprimida pelo Santander e quase extraída definitivamente do art. 27 do estatuto, com apoio dos eleitos atuais e da Afabesp, conforme carta protocolada na Previc, em 2010.

POR NOVOS E MAIS BENEFÍCIOS PARA OS PARTICIPANTES

Programa de Preparação de Aposentadoria (PPA)
Importante projeto criado em 2006, implementado em 2007, quando ocupávamos a diretoria administrativa e financeira do Banesprev. O objetivo é ampliar o projeto com mais eventos, inclusive com o patrocínio do Banco Santander, que fazia parte da aprovação do programa.

Qualidade de Vida
Implementação de programa com palestras e oficinas.

Ampliação da Educação Financeira e Previdenciária
Para entender melhor as regras do plano de previdência, os participantes poderão ter à disposição cursos, seminários e treinamentos e contribuir para a fiscalização e sugestões na gestão da entidade.

Qualificação dos profissionais do Banesprev
Atualização e reestruturação do quadro de cargos e salários do Banesprev, com a melhora do quadro funcional, a satisfação refletirá no atendimento dos participantes.

Investimentos em convênios para funcionários, participantes e seus dependentes
Projeto iniciado em 2005, quando ocupávamos a diretoria administrativa e financeira, tem objetivo de ampliar convênios educacionais, aumento o percentual de desconto e abranger outras áreas de consumo.

Revisar a taxa de juros nos empréstimos aos participantes do Banesprev
As taxas foram majoradas nas duas últimas gestões. O Comitê Gestor do Plano II já solicitou as justificativas com uma comparação entre as praticadas anteriormente e a atual. No entanto, a diretoria financeira eleita não atendeu a solicitação até o momento.

Carência nas parcelas de empréstimos pessoais referentes aos meses de janeiro e fevereiro
Período no qual há um aumento dos gastos com os pagamentos de IPVA, matrículas, material escolar e IPTU, entre outras despesas. Prática comum no sistema complementar.

Diminuição de taxas de administração
O banco Santander tem condições de diminuir os valores cobrados do Banesprev para administrar os recursos que estão sob sua gestão.

Reduzir o valor de custódia
Taxa obrigatória por legislação para as entidades de previdência complementar. Pesquisas no mercado financeiro demonstraram que outras entidades pagam valores menores para o banco Santander que o próprio Banesprev, que é um fundo patrocinado pelo banco.

Antecipar o dia da folha de pagamentos referente ao mês de dezembro
Demanda dos participantes aposentados e pensionistas em todos os finais de ano. A proposta é seguir o mesmo modelo que o Santander utiliza para os ativos.

Serviço passado do Plano II
Todos os esforços foram feitos para a tentativa de provar a existência do mesmo e seu devido aporte, culminando com a demanda judicial que aguarda julgamento. Continuaremos os esforços para tentar acharjunto com o banco uma solução que não prejudique ainda mais os participantes.

Plano III
Fazer gestão junto ao patrocinador para que o percentual de contribuição do banco seja majorado. Hoje, não ultrapassa cinco pontos percentuais do salário do participante. Medida visa aumentar a reserva matemática para compensar a redução de benefícios que virão nos próximos anos por força de legislações.

 

Notícias Relacionadas

Conferência Interestadual aprova eixos para Conferência Nacional de 2024

Sindicatos dos Bancários debateram propostas e aprovaram pautas em defesa do trabalhador. Documento será apresentado em Conferência Nacional para discussão na Campanha Salarial de 2024 Delegações de 21 regionais dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul se reuniram nesta quinta e sexta-feira, 11 e 12 de abril, para debater propostas que serão […]

Leia mais

Abertura da Conferência Interestadual da Feeb SP/MS conta com delegações de 21 regionais

  Primeiro dia de evento amplia visão sobre o futuro do Sistema Financeiro, Cenário Econômico Nacional e Avanço Tecnológico  A Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (Feeb SP/MS) abriu nesta quinta-feira (11) a Conferência Interestadual dos Bancários de 2024. O tema central do evento deste ano é “Categoria […]

Leia mais

Proposta da Caixa para PcD é frustrante

Contudo, houve definição sobre pagamento dos deltas da promoção por mérito A proposta da Caixa Econômica Federal sobre redução de jornada e priorização de empregadas e empregados PcD, ou que tenham filhos de até seis anos com deficiência, frustrou a representação dos trabalhadores. “Na proposta do banco, somente há possibilidade de redução da jornada com […]

Leia mais

Sindicatos filiados