Empregados e representantes da Caixa negociam PQV nesta sexta-feira (19)

18.05.2023

Trabalhadores apontaram abuso na cobrança de metas do Programa de Qualidade de Vendas (PQV) A representação dos trabalhadores da Caixa se reúne amanhã (19), a partir das 14h,  com o banco para negociar mudanças no Programa de Qualidade de Vendas (PQV). A reunião foi agendada após cobrança do movimento sindical ao identificar abuso no aumento […]

Trabalhadores apontaram abuso na cobrança de metas do Programa de Qualidade de Vendas (PQV)

A representação dos trabalhadores da Caixa se reúne amanhã (19), a partir das 14h,  com o banco para negociar mudanças no Programa de Qualidade de Vendas (PQV). A reunião foi agendada após cobrança do movimento sindical ao identificar abuso no aumento de punição aos empregados que não cumprirem as metas do PQV.

A representação dos trabalhadores pontuou ser injusta a penalização a ser aplicada aos empregados, no caso de clientes cancelarem os produtos após orientação do próprio banco. Trabalhadores cobram, ainda, além da alteração na aplicação do programa, que o banco exerça uma gestão mais humanizada.
De acordo com os empregados, o comunicado do banco chegou via e-mails. Entre as sanções no caso de descumprimento das metas estão, proibição de participar de Processos de Seleção Interna (PSI) e encaminhamento à corregedoria.

Novo PQV
O novo PQV da Caixa estabelece que vendas de cartão de crédito, seguros e cesta de serviços sejam avaliadas por até 90 dias após a contratação, ou seja, caso o  cliente cancele o serviço neste período, o empregado perde a pontuação no programa.

A apuração dos resultados do primeiro semestre de 2023 será feita em dois momentos. O primeiro vai considerar o primeiro trimestre, já com a aplicação das novas faixas de resultados definidas; habilitação, ou desabilitação em campanhas; bonificação, ou punição em processo seletivo (PSI/Score). O segundo momento considerará os resultados do segundo trimestre, considerando a incidência das novas faixas; início das consequências referentes às novas faixas com mensageria; acompanhamento do desempenho do empregado; avaliação das contestações em mais de uma instância; deflator no IQV decorrente da ausência de avaliação de contestação.

Editado por Feeb SP/MS, com informações Contraf Cut.

 

Notícias Relacionadas

BB prioriza diversidade na expansão das Gepes

Mulheres, negros, indígenas e PcDs terão prioridade no programa que irá dobrar a rede de Gestão de Pessoas O Banco do Brasil anunciou, nesta quarta-feira (21), um programa de expansão da rede de Gestão de Pessoas (Gepes). Durante a reunião com membros da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), o banco […]

Leia mais

COE do Bradesco discute reestruturação no banco

 Sindicato expressa preocupação com direção futura da instituição financeira A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco se reuniu na última terça-feira (20), na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo, para discutir a reestruturação anunciada pelo novo presidente do banco, Marcelo Noronha, em 7 de fevereiro, sem […]

Leia mais

Sindicato dos Bancários de Campinas completa 70 anos e receberá homenagem na Câmara da cidade

Sessão solene na Câmara de Vereadores será realizada nesta quinta-feira (22). Evento terá exposição de fotos históricas das lutas da entidade O plenário da Câmara dos Vereadores de Campinas realizará, nesta quinta-feira (22), uma sessão solene em homenagem aos 70 anos de fundação do Sindicato dos Bancários de Campinas e Região, cuja data de fundação foi 27 […]

Leia mais

Sindicatos filiados