Preparatório ao Conecef elege reivindicações prioritárias que serão apresentadas durante o Congresso, dias 12,13 e 14 de junho

02.06.2015

23 delegados eleitos entre os dirigentes da base da FEEB-SP/MS representarão a Federação no 31º Conecef A Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (FEEB-SP/MS) realizou no último sábado (30), Encontro Estadual dos Funcionários da Caixa Econômica Federal para discutir propostas e escolher os delegados para […]

23 delegados eleitos entre os dirigentes da base da FEEB-SP/MS representarão a Federação no 31º Conecef

A Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul (FEEB-SP/MS) realizou no último sábado (30), Encontro Estadual dos Funcionários da Caixa Econômica Federal para discutir propostas e escolher os delegados para o 31º Conecef (Congresso Nacional dos Empregados da Caixa Econômica Federal), na sede do Sindicato dos Bancários de Campinas e Região, em Campinas.

Durante o encontro, 23 delegados foram eleitos entre os dirigentes dos sindicatos de Campinas, Piracicaba, Ribeirão Preto, Rio Claro, Santos, Sorocaba e São José dos Campos, que irão representar a FEEB-SP/MS na 31ª edição do Conecef, além da discussão de temas que serão tratados no congresso, entre eles: condições de trabalho, Caixa 100% pública, saúde, condições de funcionamento das unidades, Saúde Caixa, Funcef/aposentados, segurança bancária, jornada, Sistema de Ponto Eletrônico (Sipon), isonomia de direitos entre novos e antigos empregados, contratação de pessoal, carreira, terceirização e GDP (Gestão de Desempenho de Pessoa) e organização do movimento.

Propostas

No campo de saúde e condições de trabalho, o grupo apresentou as seguintes propostas: custeio do teste rápido para diagnóstico da dengue e da vacina contra HPV para adolescentes acima de 13 anos, investimento em TI e governança para garantir maior agilidade e confiabilidade às informações do Saúde Caixa e melhorar a redação da cláusula da emissão da CAT pós-assalto, de modo a assegurar a proteção para todos os presentes no sinistro, estão entre as prioridades eleitas.

O grupo que debateu FUNCEF e Aposentados propõe que o “voto de Minerva”, instituído há quase 15 anos e utilizado pelo Conselho Deliberativo do fundo de pensão como forma de decidir impasses e cujos resultados acabam na maioria das vezes por beneficiar os interesses da patrocinadora (no caso, a Caixa Econômica Federal), seja substituído por uma consulta aos participantes do fundo, democratizando a gestão da FUNCEF.
Já, no campo das estratégias de organização para o movimento sindical, debatido por todos os grupos sob o tema “organização do movimento”, foram apresentadas as seguintes proposições:

Realização de um dia de luta em prol de mais contratações e abaixo-assinado para a população, cobrando da Caixa que tome providências no sentido de garantir e efetivar o aumento das contratações; carta aberta aos clientes e usuários esclarecendo sobre o direito de escolha do local de atendimento: “não ao desconforto e insegurança dos correspondentes bancários e lotéricas” e contra a realização de triagens nas filas, direcionando-os para o autoatendimento e até mesmo para outros bancos, medida discriminatória com o cliente (que só é atendido pelo caixa para pagamentos acima de um determinado valor) e prejudicial aos bancários que sofrem com a sobrecarga de trabalho, justificada sob o argumento de que um efetivo menor é suficiente para atender a demanda existente.

A realização de trabalho conjunto com os órgãos de defesa do consumidor, Ministério Público, entre outras instituições, para garantir o atendimento nas agências e, consequentemente, o emprego, também está entre as sugestões de medidas aprovadas.
Além dos grupos citados, apresentaram propostas também: Segurança Bancária (Infraestrutura das Unidades e Terceirização) e Isonomia (Carreira e GDP), conforme a íntegra disponibilizada abaixo.

As resoluções apresentadas como prioritárias pelos grupos de trabalho serão defendidas no 31º Conef nos dias 12, 13 e 14 de junho no Hotel Holiday Inn Parque Anhembi, em São Paulo.

Confira abaixo, a íntegra das propostas apresentadas:

Saúde do Trabalhador e Condições de Trabalho / Saúde Caixa

Custeio do teste rápido para diagnóstico da dengue.
Custeio da vacina contra HPV para adolescentes acima de 13 anos.
Destinar parte do superávit para investimento em TI e governança para dar maior agilidade e confiabilidade às informações do Saúde Caixa.
Melhorar a redação da cláusula da emissão da CAT pós-assalto de modo a garantir a proteção para todos os presentes no sinistro.

Funcef e Aposentados

Substituição do voto de minerva da patrocinadora por consulta aos participantes de modo a democratizar a gestão da FUNCEF.

Segurança Bancária / Infraestrutura unidades / Terceirização

Compromisso da Caixa em solucionar as deficiências apontadas no PPRA no prazo de até 90 dias.

Isonomia / Carreira / GDP

Realização de provas para Banco de Habilitados por empresa independente e em local externo à Caixa.
Pagamento de 100% das horas extras para todos os empregados da GIRET lotados em agências.
Designação de funções com obediência estrita à ordem de classificação do Banco de Habilitados.

Organização do Movimento

Dia de luta em prol das contratações;

Abaixo assinado para a população cobrando mais contratações para a Caixa;
Carta aberta para os clientes e usuários esclarecendo sobre o direito de escolha do local de atendimento “não ao desconforto e insegurança dos correspondentes bancários e lotéricas”;

Esclarecimento sobre nossa posição contrária à MERITOCRACIA com amplo debate e reuniões no local de trabalho;
Trabalho conjunto com os órgãos de defesa do consumidor, Ministério Público, etc para garantir o atendimento nas agências e consequentemente o emprego;
Dia de luta em prol do “login único”.
 

Notícias Relacionadas

Proposta sobre Teletrabalho vai avançar

Reivindicações da categoria avançam nas negociações sobre trabalho remoto, mas Comando dos Bancários cobra agilidade na resposta sobre a proposta global A proposta da categoria bancária para o trabalho remoto avançou nas negociações realizadas na tarde desta quinta-feira (11) com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). “Tivemos evolução no Teletrabalho que se torna cláusula da […]

Leia mais

Caixa se nega a criar GT para discutir contencioso da Funcef

Banco avalia que o tema já é tratado pela própria fundação de previdência dos trabalhadores Em reunião de negociações da Campanha Nacional dos Bancários 2022, realizada nesta quarta-feira (10), com a Comissão Executiva dos Empregados (CEE), a Caixa Econômica Federação se negou a atender a reivindicação para que seja criado um grupo de trabalho (GT) […]

Leia mais

Atos pela democracia ocorrem em todo o País e reafirmam o compromisso contra o autoritarismo

Data de 11 de agosto marca a leitura de um manifesto contra ditadura militar em 1977 Brasileiros de inúmeras regiões do País realizaram nesta quinta-feira (11), atos em defesa do estado democrático de direito. Milhares de entidades representativas foram às ruas manifestar a defesa pela garantia da democracia e do sistema eleitoral eletrônico. A data […]

Leia mais

Sindicatos filiados