Procon-RP fiscaliza bancos para constatar cumprimento da Lei da Fila

10.09.2013

O Procon-RP realizou na última sexta-feira, dia 06, a fiscalização nas agências bancárias do município. Foram visitadas 18 agências, sendo que em três foram encontradas irregularidades em relação ao tempo de espera para atendimento, que não pode ultrapassar 15 minutos em dias normais e 30 minutos em dias que antecedem e sucedem feriados, pagamentos e […]

O Procon-RP realizou na última sexta-feira, dia 06, a fiscalização nas agências bancárias do município. Foram visitadas 18 agências, sendo que em três foram encontradas irregularidades em relação ao tempo de espera para atendimento, que não pode ultrapassar 15 minutos em dias normais e 30 minutos em dias que antecedem e sucedem feriados, pagamentos e dias de picos. A operação resultou em um total de 47 autuações.

Os fiscais verificam o cumprimento da Lei Municipal nº 10.122, de 2004, que prevê multas para os bancos que não respeitarem os limites do tempo de espera nas filas dos caixas. A ação, de acordo com o diretor do Procon, Paulo Garde, visa fiscalizar o tempo razoável de atendimento. Entre multas por atraso no atendimento e descumprimento da Lei dos Biombos, que obriga as agências a colocarem divisórias entre os caixas e o público, os Bancos instalados em Ribeirão Preto já devem aproximadamente R$ 3 milhões.

O diretor orienta o consumidor a registrar reclamações sobre o tempo de espera na fila do banco. “É importante que o consumidor peça a senha de volta depois de ser atendido, pois é a prova de que ficou mais tempo esperando do que o permitido em lei”, afirmou. “O idoso também tem reclamado muito sobre a demora no atendimento e eles têm, garantido por lei, atendimento preferencial. Iremos fiscalizar isso também”, finalizou Garde.

Fonte: CBN Ribeirão Preto

Notícias Relacionadas

Após repercussão das denúncias de assédio sexual, Pedro Guimarães pede demissão

Testemunhos das vítimas vieram a público na terça-feira (28) e assustam pela quantidade de casos e pelo grau de desrespeito e crueldade; Ministério Público investiga em sigilo O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, entregou seu pedido de demissão na tarde desta quarta-feira (29) ao presidente da república, Jair Bolsonaro. A decisão foi tomada […]

Leia mais

NOTA OFICIAL

NOTA OFICIAL Pelo imediato afastamento de Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, e o acolhimento e preservação das vítimas Nós, bancárias de todo o Brasil, manifestamos nossa indignação pelos atos de assédio sexual praticados por Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, que ganharam repercussão na noite de desta terça-feira, 28/06/2022, ao serem divulgados […]

Leia mais

Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul repudia ações de Pedro Guimarães, acusado de assédio sexual

Além de apuração das denúncias, representação dos empregados pede afastamento do presidente da Caixa Após se tornar pública a acusação de assédio sexual feita por diferentes empregadas da Caixa Econômica Federal ao presidente Pedro Duarte Guimarães, a Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, se solidariza com as vítimas e manifesta […]

Leia mais

Sindicatos filiados