Sindicato de Piracicaba comemora 54 anos de lutas e conquistas

22.10.2013

O dia 22 de outubro é uma data histórica para o Sindicato dos Bancários de Piracicaba e Região (SINDBAN), pois celebra sua fundação, e em 2013, completa 54 anos de lutas e muitas conquistas para a categoria. O Sindicato dos Bancários de Piracicaba foi criado em 22 de outubro de 1959 por um grupo de […]

O dia 22 de outubro é uma data histórica para o Sindicato dos Bancários de Piracicaba e Região (SINDBAN), pois celebra sua fundação, e em 2013, completa 54 anos de lutas e muitas conquistas para a categoria.

O Sindicato dos Bancários de Piracicaba foi criado em 22 de outubro de 1959 por um grupo de bancários liderado por Gelson Aparecido Diniz (Bradesco), sendo que em 1961 a Associação foi transformada em Sindicato, tendo como primeiro presidente Mário José de Lima Dantas (Banco do Brasil), que permaneceu no cargo até 1964, quando a entidade sofreu intervenção do regime militar. Em 1965, o Sindicato foi assumido por Diocleciano Villar, funcionário do Banco do Brasil, que comandou a entidade até 1967, assumindo seu lugar Francisco Antonio Nascimento Toledo, que presidiu o Sindicato até 1976. Neste ano, Villar retornou a presidência do SINDBAN, ficando até 1986.

Em 1986 a entidade indicou o jovem bancário do então Banco Nacional, José Antonio Fernandes Paiva, que com apenas 27 anos, foi lançado como presidente. Sua indicação aconteceu por ter se destacado em uma forte atuação do movimento “Ano do Despertar Coletivo”, em 1983, e por ter sido peça decisiva na greve de nove dias dos bancários de Piracicaba, em 1985, que parou a cidade e mostrou a força da categoria.

Desde então, o Sindicato assumiu definitivamente sua vocação e ao longo desses anos passou a ter uma atuação ainda mais forte na sociedade e no movimento sindical brasileiro, defendendo os interesses dos bancários e dos trabalhadores como um todo, participando e liderando a categoria em inúmeras outras greves, manifestações e movimentos, como pelo impeachment do então presidente Fernando Collor de Mello, em 1992, junto à campanha pela duplicação da Rodovia SP 304, contra a construção da hidrelétrica Carioba II, contra o fim da filantropia do Hospital Fornecedores de Cana, contra o Nepotismo, contra a instalação de mais um presídio em Piracicaba, além de diversas campanhas do agasalho e alimentos.

É importante destacar ainda, que nestes 54 anos o Sindicato vem lutando em prol de melhores condições de vida dos trabalhadores bancários, bem como tem participado ativamente de todas as instâncias democráticas existentes em Piracicaba como Conselhos, Comissões e Organizações que fomentem o desenvolvimento e a construção de uma sociedade mais justa e igualitária para todos os trabalhadores e cidadãos em geral.

Pioneiro em importantes lutas da classe trabalhadora, o envolvimento deste Sindicato abrange diversas instâncias e temáticas, desde questões de segurança, saúde, meio ambiente, educação e cidadania, cultura, esportes, emprego e renda, e a luta por igualdade de oportunidades.

O Sindicato dos Bancários de Piracicaba e Região representa cerca de 2.500 bancários, que trabalham e residem em 22 cidades da região: Piracicaba, Águas de São Pedro, Charqueada, Santa Maria da Serra, São Pedro, Saltinho, Rio das Pedras, Rafard, Capivari, Pereira, Jumirim, Mombuca, Laranjal Paulista, Tietê, Cerquilho, Bofete, Anhembi, Pardinho, Porangaba, Santa Bárbara d’Oeste, Maristela e Conchas.

Fonte: SINDBAN

 

Notícias Relacionadas

Bancários querem mais contratações, fim das demissões e da precarização

Comando Nacional propõe maior equilíbrio entre dias trabalhados, com momentos de descanso e lazer, com redução da jornada para quatro dias; proposta pode aumentar produtividade e satisfação com o emprego O Comando Nacional dos Bancários se reuniu na manhã desta segunda-feira (27) com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) na segunda reunião de negociação da […]

Leia mais

Bancários negociam com Federação Nacional dos Bancos nesta segunda-feira (27)

Temas Emprego e Terceirização são os primeiros temas a serem discutidos A Campanha Nacional do Bancário, iniciada na última semana, segue hoje (27) com mais uma negociação. Federações, associações e representação sindical negociam com a Federação Nacional dos Bancos as pautas “Emprego e Terceirização”. Os temas foram definidos pelo Comando Nacional dos Bancários na última […]

Leia mais

Bancários criam Comitê de Luta durante Congresso Nacional

Comitê nacional lutará para defender o BB como instituição pública e em apoio a projeto de Governo que fortaleça o banco e sua função social, de indutor do crescimento econômico com geração de emprego e renda O papel do Banco do Brasil na reconstrução do país foi um dos temas em destaque no 33° Congresso […]

Leia mais

Sindicatos filiados