Sindicato de Sorocaba protesta contra demissões do Itaú em Itapetininga

07.08.2013

O Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região, por meio de seus diretores Luiz Beluzzi Júnior, Maria Aparecida Cassetari e Marcelo Silva Teles, acompanhados de seu presidente, Julio Cesar Machado, esteve na cidade de Itapetininga na última quinta-feira, dia 1 de agosto, para protestar contra as demissões no banco Itaú no município. Com o conhecimento […]

O Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região, por meio de seus diretores Luiz Beluzzi Júnior, Maria Aparecida Cassetari e Marcelo Silva Teles, acompanhados de seu presidente, Julio Cesar Machado, esteve na cidade de Itapetininga na última quinta-feira, dia 1 de agosto, para protestar contra as demissões no banco Itaú no município.

Com o conhecimento de que estava havendo demissões infundadas e em demasia, o sindicato fechou a agência durante o dia todo, fixando cartazes e conversando com os funcionários para prestar esclarecimentos e orientações.

O presidente do Sindicato dos Bancários de Sorocaba, Julio Cesar Machado, afirma que é um absurdo essas demissões imotivadas, quando o banco teve, só no primeiro semestre de 2013, lucro líquido de R$ 7,055 bilhões. O resultado, segundo informações divulgadas pela imprensa, é maior que a economia de 33 países do mundo e o segundo maior lucro da história dos bancos, atrás apenas do próprio recorde de 2011.

Julio completa que “os responsáveis pelos bons resultados do banco são os bancários e que o Itaú não pode retribuir com péssimas condições de trabalho e desemprego. No Brasil, conforme levantamento feito pelo Dieese, nos primeiros seis meses desse ano, o Itaú cortou 2.264 postos de trabalho. Não pode!”.  

Fonte: Feeb SP/MS, com o Sindicato de Sorocaba

Leia também:

Dirigentes sindicais do Itaú discutem balanço do banco e planejam luta 

Itaú ganha R$ 7,1 bi no 1º semestre; 2º maior lucro da história dos bancos

Notícias Relacionadas

Trabalhadores do Itaú entregam pauta específica de reivindicações no dia 25

Documento é resultado do encontro nacional, realizado em São Paulo, no dia 6 de junho A Comissão de Organização dos Empregados (COE) vai entregar a minuta específica de reivindicações ao Itaú na próxima terça-feira (25). O documento servirá de base para a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) específico do banco. As reivindicações foram […]

Leia mais

Intransigência da Caixa encerra negociações sobre redução de jornada para pais/mães e responsáveis por PcD e neurodivergentes (TEA)

Banco retira da proposta a concessão para empregados PcD, impõe uma série de travas para permitir a redução da jornada para pais/mães/responsáveis de PcD e encerra mesa de negociações após receber questionamentos sobre pontos sensíveis da proposta A reunião que negociaria a redução de jornada para empregadas e empregados da Caixa Econômica Federal com deficiência […]

Leia mais

Caixa afirma que contencioso é insignificante, mas dados disponíveis demonstram o oposto

Fonte: APCEF/SP com informações da Fenae Em uma live realizada nesta terça-feira (18), a Funcef (Fundação dos Economiários Federais) e a Caixa anunciaram que estão abordando o contencioso trabalhista. Segundo Leonardo Groba, diretor jurídico da Caixa, o contencioso atual estaria estimado em cerca de R$ 500 milhões, “não tem grandes proporções, mas a Caixa possui […]

Leia mais

Sindicatos filiados