Sindicato distribui folheto contra PL 4330 no Dia de Mobilização, em Campinas

30.08.2013

  Na manhã desta sexta-feira, 30, o Sindicato dos Bancários de Campinas e Região distribui folheto nas agências centro do Banco do Brasil (Costa Aguiar) e Caixa Federal (Avenida Francisco Glicério), instaladas em Campinas, contra o Projeto de Lei (PL) 4330, que propõe regular a terceirização do trabalho. A atividade faz parte Dia Nacional de […]

 

Na manhã desta sexta-feira, 30, o Sindicato dos Bancários de Campinas e Região distribui folheto nas agências centro do Banco do Brasil (Costa Aguiar) e Caixa Federal (Avenida Francisco Glicério), instaladas em Campinas, contra o Projeto de Lei (PL) 4330, que propõe regular a terceirização do trabalho. A atividade faz parte Dia Nacional de Mobilização.

Durante a manifestação, os diretores do Sindicato debateram com os bancários a tramitação do PL na CCJC (Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania) da Câmara dos Deputados, e o processo de negociação com a Fenaban e nos bancos públicos (Banco do Brasil e Caixa Federal). Além do folheto contra o PL 4330, os diretores distribuíram folheto direcionado aos clientes sobre a lucratividade dos Bancos, tarifas altas e fechamento de postos de trabalho.

Pressão em Brasília

Nesta segunda-feira, dia 2 de setembro, a Comissão Quadripartite (governo, deputados, empresários e trabalhadores) volta a se reunir em Brasília. Será a última reunião antes da anunciada votação do PL 4330 na CCJC, que pode ocorrer nos dia 3 e 4 da próxima semana. Para as centrais sindicais, o PL 4330 como está, mesmo com a incorporação das propostas do governo federal, representa a precarização das relações de trabalho no país. Em outros termos, a proposta do governo não muda a essência do PL 4330; ou seja, permanecem intocáveis os pontos sobre a ampliação da terceirização para as atividades fim, a exigência de responsabilidade solidária; dentre outros.

Calendário

Dias 3 e 4/09 – Mobilização em Brasília para pressionar deputados contra PL 4330 na CCJC da Câmara dos Deputados.
 

Notícias Relacionadas

Trabalhadores do Itaú entregam pauta específica de reivindicações no dia 25

Documento é resultado do encontro nacional, realizado em São Paulo, no dia 6 de junho A Comissão de Organização dos Empregados (COE) vai entregar a minuta específica de reivindicações ao Itaú na próxima terça-feira (25). O documento servirá de base para a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) específico do banco. As reivindicações foram […]

Leia mais

Intransigência da Caixa encerra negociações sobre redução de jornada para pais/mães e responsáveis por PcD e neurodivergentes (TEA)

Banco retira da proposta a concessão para empregados PcD, impõe uma série de travas para permitir a redução da jornada para pais/mães/responsáveis de PcD e encerra mesa de negociações após receber questionamentos sobre pontos sensíveis da proposta A reunião que negociaria a redução de jornada para empregadas e empregados da Caixa Econômica Federal com deficiência […]

Leia mais

Caixa afirma que contencioso é insignificante, mas dados disponíveis demonstram o oposto

Fonte: APCEF/SP com informações da Fenae Em uma live realizada nesta terça-feira (18), a Funcef (Fundação dos Economiários Federais) e a Caixa anunciaram que estão abordando o contencioso trabalhista. Segundo Leonardo Groba, diretor jurídico da Caixa, o contencioso atual estaria estimado em cerca de R$ 500 milhões, “não tem grandes proporções, mas a Caixa possui […]

Leia mais

Sindicatos filiados