Sindicato dos Bancários de Franca reúne-se com o Bradesco e denuncia práticas antissindicais e assédio moral

01.03.2013

O Sindicato dos Bancários de Franca esteve reunido na última quarta-feira (27/02) com o Bradesco na Cidade de Deus – Osasco/SP. O presidente do Sindicato Edson Santos, o vice-presidente Osório Carbone e os diretores Nilson Santos e Rogério Marques foram recebidos pelos Gerentes de Relações Sindicais do banco Geraldo Grandro e Eduara Cavalheiro. No encontro, […]

O Sindicato dos Bancários de Franca esteve reunido na última quarta-feira (27/02) com o Bradesco na Cidade de Deus – Osasco/SP.

O presidente do Sindicato Edson Santos, o vice-presidente Osório Carbone e os diretores Nilson Santos e Rogério Marques foram recebidos pelos Gerentes de Relações Sindicais do banco Geraldo Grandro e Eduara Cavalheiro.

No encontro, o Sindicato cobrou do banco a instalação de cartazes nos Postos de Atendimento Avançados (PAA’s) informando que nestes locais não há movimentação de numerário e que os funcionários que ali trabalham não abastecem os terminais de auto-atendimento, cujo serviço é feito por empresa de transporte de valores. “Acreditamos que esta medida trará mais segurança para os trabalhadores que exercem funções nos PAA’s e por isso cobramos do banco a adoção deste simples procedimento”, afirmou o diretor do Sindicato e funcionário do Bradesco Nilson Santos. Os representantes do banco informaram que a reivindicação já foi encaminhada para o Departamento de Segurança e Transporte para análise.

O Sindicato denunciou também ao Bradesco a prática antissindical de um gerente do banco lotado na base, que recentemente obrigou os funcionários de sua agência a se desfiliarem do Sindicato, fato que gerou um grande desconforto entre os trabalhadores da unidade. O Sindicato também recebeu denúncias sobre o comportamento inadequado deste mesmo gerente no trato com os funcionários, que frequentemente sofrem com as humilhações e o comportamento agressivo do gestor. “Tivemos conhecimento que alguns funcionários chegam a chorar, devido à forma como são tratados por este gerente”, denunciou o presidente Edson Santos.

O banco afirmou que este comportamento não condiz com as práticas adotadas pelo Bradesco e que serão adotadas medidas para que o problema seja equacionado.

Fonte: Seeb Franca
 

Notícias Relacionadas

Caixa terá processo seletivo para a escolha dos diretores da FUNCEF

Inscrições já foram iniciadas e seguem até a próxima quinta-feira (9/2) Os cargos de diretor-presidente e diretor de Investimentos e Participações Societárias e Imobiliárias da Fundação dos Economiários Federais (FUNCEF) serão escolhidos por meio de processo seletivo. O anúncio foi feito em edital publicado pela Caixa. As inscrições tiveram início na última sexta-feira (3/2) e […]

Leia mais

Santander implementa teletrabalho em áreas administrativas

Modalidade é válida para áreas administrativas e contemplam eixo São Paulo e Rio de Janeiro O Santander anunciou que irá implementar o teletrabalho (home office). A modalidade é válida para bancários das áreas administrativas, lotados majoritariamente no eixo São Paulo e Rio de Janeiro, segundo as regras previstas na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. As […]

Leia mais

Santander paga PLR e demais adicionais no dia 28 de fevereiro

Representantes da Comissão de Organização de Empregados (COE/Santander) foram informados nesta terça-feira (01), sobre a data de pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR). O valor será creditado no dia 28 deste mês. Junto com a PLR bancárias e bancários do Santander receberão os percentuais do Programa Próprio de Resultados do Santander (PPRS), do […]

Leia mais

Sindicatos filiados