Sindicato dos Bancários de Sorocaba faz nova manisfestação contra demissões no Itaú

06.12.2020

O Sindicato dos Bancários de Sorocaba fez um novo manifesto hoje, dia 12 de junho, nas agências do banco Itaú de Sorocaba. O intuito do movimento foi o de chamar a atenção da sociedade e dos trabalhadores, para a política de demissões em massa, adotada pelo banco. Enquanto demite sem pensar no trabalhador, o banco […]

O Sindicato dos Bancários de Sorocaba fez um novo manifesto hoje, dia 12 de junho, nas agências do banco Itaú de Sorocaba. O intuito do movimento foi o de chamar a atenção da sociedade e dos trabalhadores, para a política de demissões em massa, adotada pelo banco. Enquanto demite sem pensar no trabalhador, o banco pagou R$ 7,45 milhões por diretor em 2011. Com isso, o Itaú aparece como único banco que aparece na lista das 10 empresas com maior gasto médio por diretor, conforme levantamento do jornal Valor Econômico, publicado no dia 31 de maio.

O ranking foi feito com os maiores gastos médios dentro de cada diretoria, com base na documentação apresentada por 206 companhias abertas brasileiras junto à comissão de valores mobiliários (CVM).

Isso mostra que enquanto economiza bilhões de reais com a política de rotatividade, o banco oferece ganhos milionários para um punhado de diretores. Essa imensa remuneração anual de um diretor do Itaú supera 208 vezes o ganho de um bancário que recebeu, ao longo de 2011, o piso da categoria, segundo cálculo do Dieese. É uma tremenda injustiça e revela falta de responsabilidade social e de compromisso com o desenvolvimento econômico do país com distribuição de renda e inclusão social.

Com essa forma de discriminar a remuneração, os sindicatos vão reforçar a mobilização dos trabalhadores, lutando por melhores salários, condições de trabalho, de saúde e segurança, pelo aumento do Programa Complementar de Resultados (PCR).

Fonte: Sindicato dos Bancários de Sorocaba

Notícias Relacionadas

Campanha Nacional: Combate ao Assédio Moral volta a ser negociado com Federação Nacional dos Bancos (Fenaban)

Bancos negam que causa de adoecimento está relacionada à cobrança de metas O Comando Nacional dos Bancários se reuniu com a Federação Nacional dos Bancos nesta segunda-feira (15), para mais uma negociação. O combate ao assédio moral foi novamente tema do debate. Apesar de mais uma vez os bancos negarem que a causa do adoecimento […]

Leia mais

CEBB negocia com o banco cláusulas econômicas e representação sindical

Ao término da negociação, bancários leram manifesto pela democracia Bancários do Banco do Brasil se reuniram nesta sexta-feira (12) com o banco para mais uma negociação da Campanha Nacional dos Bancários 2022, que tem por objetivo a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) específico dos trabalhadores do Banco do Brasil e do aditivo à […]

Leia mais

Federação dos Bancários orienta Sindicatos para realização de lives na próxima semana

Objetivo é promover o dialogo com a categoria e fortalecer pautas de luta na Campanha Nacional Conforme orientação do Comando Nacional, todo o movimento sindical deve dialogar com a categoria na próxima semana. A Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, reforça o pedido para os seus 23 sindicatos filiados, para […]

Leia mais

Sindicatos filiados