22ª Conferência Nacional dos bancários acontece nesta sexta (17) e sábado (18)

15.07.2020

Solenidade contará com presença do ex-presidente Lula Na próxima sexta-feira, 17, tem início a 22ª Conferência Nacional dos Bancários. O objetivo do encontro, com programação prevista até sábado, 18, é a aprovar a minuta de reivindicações, o plano de lutas e a estratégia de organização e atuação da categoria. A abertura solene contará com as […]

Solenidade contará com presença do ex-presidente Lula

Na próxima sexta-feira, 17, tem início a 22ª Conferência Nacional dos Bancários. O objetivo do encontro, com programação prevista até sábado, 18, é a aprovar a minuta de reivindicações, o plano de lutas e a estratégia de organização e atuação da categoria. A abertura solene contará com as presenças do ex-presidente Lula,do governador do Maranhão, Flávio Dino, e do coordenador nacional MTST, Guilherme Boulos. O evento reunirá bancários e bancárias dos mais diversos bancos do país, públicos e privados. 


A abertura solene acontece a partir das 18h, com transmissão ao vivo pelo Facebook e Youtube da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT). As atividades continuam no sábado, a partir das 9h.

A 22ª Conferência Nacional dos Bancários tem como um de seus principais objetivos a elaboração da minuta de reivindicações da Campanha Nacional, a partir das propostas apresentadas pelas bases sindicais de todo o país, apuradas pela Consulta Nacional à categoria e debatidas pelas conferências estaduais e regionais, pelos congressos e encontros de bancários de bancos públicos e privados.

Negociações
Após aprovada na conferência, a minuta de reivindicações é apresentada à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e, em seguida, começam as negociações da nova Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. A CCT atual tem vigência somente até o 31 de agosto.

Com a reforma trabalhista a ultratividade dos acordos e convenções trabalhistas foram revogados. O artigo da MP 936, que garantia a vigència dos Acordos durante o período em que perdurar a pandemia causada pelo novo coronavírus, foi vetado pelo presidente, desta forma, caso as negociações não sejam concluídas até o final de agosto, todos os direitos previstos na CCT perdem a validade. Entre as consequências estão o risco dos bancários ficarem sem vale refeição e alimentação, auxílios educação, creche, babá, entre outros benefícios. As regras da PLR (Participação nos Lucros e/ou Resultados) também podem sofrer alterações neste caso. 

"Finalizada as conferências regionais, os congressos dos bancos públicos e os encontros dos bancos privados, a propostas serão encaminhadas a Conferência Nacional dos Bancários, onde 635 delegados e delegadas irão debater e construir a minuta de reivindicações. Os bancários pelo seu histórico de luta, tem a responsabilidade de defender a democracia em nosso país e defender as conquistas historicas da categoria. Devem estar sintonizados com seus sindicatos para realizarmos uma Campanha Nacional vitoriosa", destaca o presidente da Federação dos Empregados em Estabelecimentos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, Jeferson Boava.

Confira a programação: 

Sexta-feira, 17 de julho

18h – Votação do Regimento Interno
18h20 – Abertura solene

Sábado, 18 de julho

9h – Mesa 1 – Conjuntura econômica
9h50 – Mesa 2 – Conjuntura política e tributária
10h45 – Mesa 3 – O sistema financeiro

13h – Almoço

14h – Mesa 4 – Comunicação, organização e estratégia de atuação
15h – Mesa 5 – Aprovação da minuta, propostas, resoluções e moções

Confira o Regimento Interno

Notícias Relacionadas

BB prioriza diversidade na expansão das Gepes

Mulheres, negros, indígenas e PcDs terão prioridade no programa que irá dobrar a rede de Gestão de Pessoas O Banco do Brasil anunciou, nesta quarta-feira (21), um programa de expansão da rede de Gestão de Pessoas (Gepes). Durante a reunião com membros da Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), o banco […]

Leia mais

COE do Bradesco discute reestruturação no banco

 Sindicato expressa preocupação com direção futura da instituição financeira A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco se reuniu na última terça-feira (20), na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), em São Paulo, para discutir a reestruturação anunciada pelo novo presidente do banco, Marcelo Noronha, em 7 de fevereiro, sem […]

Leia mais

Sindicato dos Bancários de Campinas completa 70 anos e receberá homenagem na Câmara da cidade

Sessão solene na Câmara de Vereadores será realizada nesta quinta-feira (22). Evento terá exposição de fotos históricas das lutas da entidade O plenário da Câmara dos Vereadores de Campinas realizará, nesta quinta-feira (22), uma sessão solene em homenagem aos 70 anos de fundação do Sindicato dos Bancários de Campinas e Região, cuja data de fundação foi 27 […]

Leia mais

Sindicatos filiados