24ª Conferência Nacional acontece no próximo fim de semana

07.06.2022

Evento terá a participação do ex-ministro da Casa Civil Aloizio Mercadante em apresentação no sábado A 24ª Conferência Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro será realizada no próximo final de semana, entre sexta-feira (10) e domingo (12). O evento terá como tema “Um país + justo pra gente, este é o Brasil que a gente […]

Evento terá a participação do ex-ministro da Casa Civil Aloizio Mercadante em apresentação no sábado

A 24ª Conferência Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro será realizada no próximo final de semana, entre sexta-feira (10) e domingo (12). O evento terá como tema “Um país + justo pra gente, este é o Brasil que a gente quer”. O objetivo da realização é definir a minuta de reivindicações da Campanha Nacional dos bancários e o plano de lutas da categoria até 2023. O encontro ocorre de forma híbrida, com participação no local, em São Paulo, e de forma remota, por uma plataforma eletrônica de videoconferência e de votação.

As decisões serão tomadas a partir das propostas apresentadas pelas bases sindicais de todo o país, que vêm sendo debatidas pelas conferências estaduais e regionais, e nos congressos e encontros de bancários de bancos públicos e privados. Também foi feita uma Consulta Nacional, que mobilizou mais de 35 mil bancários e bancárias de todo o Brasil, para a definição das reivindicações mais importantes que estarão na pauta da categoria.

Feeb SP/MS

A Federação dos Bancários dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, aprovou e encaminhou, por meio das suas 23 bases sindicais, as propostas de luta defendidas pela categoria. Os temas foram construídos e aprovados nos Encontros Regionais dos Bancos Públicos e Privados e na Conferência Interestadual da Feeb SP/MS, ambos realizados entre os dias 26 e 28 de maio, em São José do Rio Preto.

A Feeb SP/MS contou, ainda, com ampla participação da categoria na Consulta Nacional e ultrapassou em mais de 150% a meta instituída pelo Comando Nacional.

“Nossos sindicatos demonstram a união e a força sindical através de uma participação ativa e imprescindível para os debates nacionais. Os Temas e Propostas para a 24ª Conferência Nacional foram aprovados por unanimidade em plenária realizada na Conferência Interestadual. Parabenizamos cada representante e desejamos um excelente debate. Vamos em frente para a construção de um país mais justo e um Brasil que a gente quer”, defende Reginaldo Breda, secretário Geral da Feeb SP/MS.

24ª conferência Nacional

Para o movimento sindical a Conferência Nacional é um momento estratégico para todo o País para a definição da pauta de reivindicações da Campanha Nacional e de um plano de lutas da categoria. A expectativa é sintetizar os anseios levantados por meio das conferências em cada região, dos encontros dos trabalhadores de cada instituição financeira e da Consulta Nacional e definir um plano de lutas que beneficie trabalhadoras e trabalhadores de todo o Brasil.

As atividades de sábado (11), contam com a participação do economista, ex-senador e ex-ministro da Educação e da Casa Civil, Aloízio Mercadante, que contribuirá com reflexões, na segunda mesa de debates, sobre o tema “Reconstruir o Brasil que a gente quer”.

Conjuntura Econômica

Durante a Conferência Interestadual, o presidente da Feeb SP/MS, David Zaia, pontuou a atual conjuntura econômica e política do país e ressaltou a preocupação dos trabalhadores com a inflação. “Esta sempre foi uma preocupação para os trabalhadores. Vivemos hoje uma inflação absurda, com um governo que tenta dizer que a inflação está presente lá fora, mas precisamos lembrar que aqui dentro nossa inflação é de 12% e só perde para a Turquia e Rússia”, explicou.

O presidente pontua o baixo crescimento econômico e a alta de juros. “O crescimento da economia continua pífio. Viemos de uma recessão desde 2014, agravada com a pandemia. Para o próximo ano, a projeção de crescimento ainda é pequena e o cenário atual se resume em falta de projetos e iniciativas do governo, além de uma taxa de juros que pode chegar a 13% até o final do ano. Portanto, é um momento essencial para levarmos a pauta aos debates nacionais e propormos iniciativas de investimentos que façam a economia voltar a crescer e, assim, melhorar a qualidade de vida das famílias brasileiras”, explica Zaia.

Negociações

Após a definição da pauta de reivindicações na Conferência Nacional, sindicatos da categoria realizarão assembleias em todo o país para aprová-la. Na sequência a minuta será entregue à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) para o início das negociações da Campanha Nacional dos Bancários.

O objetivo é negociar a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria e os Acordos Coletivos de Trabalho (ACTs) específicos dos bancos públicos, uma vez que os mesmos têm vigência até o dia 31 de agosto. A data-base da categoria é 1º de setembro.

Cuidados com a Covid-19

Todas as delegadas e todos os delegados que participarem presencialmente deverão apresentar comprovação de vacinação contra a covid-19 (passaporte vacinal) no ato do credenciamento. Também deverão apresentar o comprovante de teste negativo, do tipo antígeno, contra a covid-19, realizado em até três dias antes do credenciamento.

Programação

24ª Conferência Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro 2022
“Um país + justo pra gente. Este é o Brasil que a gente quer!”
Data: 10, 11 e 12 de junho de 2022
Local: Holiday Inn, Parque Anhembi

Dia 9 de junho – quinta-feira
14h às 19h – Credenciamento presencial dos delegados e delegados

Dia 10 de junho – sexta-feira
9h às 19h – Credenciamento presencial e eletrônico de delegados e delegadas inscritos
17h – Abertura solene da 24ª Conferência Nacional dos Bancários

Dia 11 de junho – sábado
8h às 11h – Credenciamento presencial e eletrônico de delegados e delegadas inscritos
9h – Mesa 1 – Votação do Regimento Interno
9h30 às 12h – Mesa 2 – Reconstruir o Brasil que a gente quer
Convidado: Aloízio Mercadante (professor acadêmico, economista e político, fundador do Partido dos Trabalhadores (PT); foi ministro da Educação, da Ciência, Tecnologia e Inovação e da Casa Civil no governo Dilma Rousseff; foi também senador e deputado federal por São Paulo; atualmente, é presidente da Fundação Perseu Abramo)

12h às 13h30 – Almoço

12h às 14h – Prazo para substituição de delegados ou delegadas por suplentes
13h30 às 15h30 – Mesa 3 – Apresentação de dados do setor bancário
15h30 às 17h30 – Mesa 4 – Apresentação do resultado da Consulta dos Bancários 2022; Organização e mobilização para reconstruir o Brasil que a gente quer; Acordo Nacional

19h – Jantar

Dia 12 de junho – domingo
9h às 9h40 – Apresentação e aprovação da arte da Campanha Nacional dos Bancários 2022
9h40 às 12h – Apresentação e aprovação das propostas recebidas das Conferências Estaduais e Regionais; aprovação das resoluções e moções; aprovação do Comando

12h – Almoço

Veja aqui as imagens da Conferência Interestadual da Feeb SP/MS

Notícias Relacionadas

Bancários aprovam acordos de trabalho do Santander

97,18% dos funcionários aprovaram o acordo com o banco Bancários do banco Santander de todo o país aprovaram, nesta quinta-feira (22), com 97,18% dos votos, o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) geral dos funcionários, aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria bancária, o ACT do Programa de Participação nos Resultados Santander (PPRS) e […]

Leia mais

Negociação dos Financiários continua sem avanços

Financeiras apresentam proposta abaixo da expectativa da categoria Representantes dos Financiários e a Federação Interestadual das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Fenacrefi) se reuniram nesta quinta-feira (22) para dar continuidade às negociações da campanha salarial da categoria. A pauta de reivindicações da categoria, com data-base em 1º de junho, foi entregue no dia 15 […]

Leia mais

Bancários do Santander participam de Assembleia nesta quinta-feira (22/9)

Votação acontece em plataforma eletrônica das 8h às 20h Nesta quinta-feira (22), bancários do Santander de todo o país participam de Assembleias para avaliar o Acordo Coletivo de Trabalho, o Acordo Coletivo de Trabalho sobre a Participação nos Lucros e Resultados (PPRS) e o Termo de Relações Laborais, todos com validade por dois anos. Os […]

Leia mais

Sindicatos filiados